Socioeducandos participam da edição do Enem 2014

Os adolescentes que cumprem medidas socioeducativas participam nesta terça , 9, e quarta-feira, 10, do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para pessoas privadas de liberdade (PPL), aplicadas em todo o país.

As provas estão sendo aplicadas nas próprias unidades socioeducativas (Foto: Assessoria ISE)
As provas estão sendo aplicadas nas próprias unidades socioeducativas (Foto: Assessoria ISE)

O exame contempla 63 socioeducandos que já concluíram o ensino médio ou não terminaram essa etapa, mas pretendem obter o certificado de conclusão por meio da avaliação, se tiverem idade mínima de 18 anos.

Seguindo as orientações do Ministério da Educação (MEC), por meio do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), as provas são aplicadas nas próprias unidades socioeducativas de Rio Branco, Sena Madureira, Feijó e Cruzeiro do Sul.

O presidente do Instituto Socioeducativo (ISE), Leonardo Carvalho, informa que nos últimos anos a aplicação das provas tem alcançado um quantitativo crescente entre os socioeducandos. “No ano de 2012, foram 18 adolescentes; no ano seguinte, 56 jovens, e agora em 2014, o número aumentou para 63 socioeducandos aptos a participar da avaliação”, informou.

Segundo Leonardo Carvalho, o empenho das direções das unidades socioeducativas, aliado a ações pedagógicas desenvolvidas pelas equipes técnicas, garante o reforço e o estímulo da escolarização dos adolescentes, aumentando a participação gradativa no exame nacional.