Sejudh realiza sessão solene em solidariedade ao povo palestino

Ato propõe diálogos e reflexões sobre conflitos entre palestinos e judeus (Foto: Internet)
Ato propõe diálogos e reflexões sobre conflitos entre palestinos e judeus (Foto: Internet)

A Secretaria de Estado de Justiça e Diretos Humanos (Sejudh) realiza nesta sexta-feira, 28, às 10 horas, na Assembleia Legislativa do Acre, sessão solene em celebração ao Dia Internacional de Solidariedade ao Povo Palestino.

Convocado pela Sejudh em parceria com a Central Única dos Trabalhadores (CUT),  Comitê de Defesa da Causa Palestina, Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB) e o núcleo do Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz), O ATO quer propor diálogos e contestar os conflitos entre palestinos e judeus.

Segundo o secretário de Justiça e Diretos Humanos, Nilson Mourão, em novembro de 1947, a Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou uma resolução sobre a partilha da Palestina.  “Com a proposta da ONU, apenas o estado de Israel foi constituído, a Palestina ainda batalha para estabelecer o seu próprio estado”, afirmou.

O membro do Comitê em Defesa da Criação do Estado Palestino Abrahim Farhat, o “Lhé”, relata que a Assembleia Legislativa, por meio do deputado José Luiz Tchê (PDT), instituiu um Projeto de Lei que estabelece 29 de novembro como o Dia Estadual de Solidariedade ao Povo Palestino.