seleção

Professores de inglês da rede pública têm a oportunidade de fazer curso de aperfeiçoamento nos EUA com todas as despesas pagas

Professores de Língua Inglesa, efetivos da rede pública estadual do Acre e que lecionam no ensino médio têm a chance de estudar, por até cinco meses, em uma universidade nos Estados Unidos da América, com todas as despesas pagas, por meio do Programa Fulbright de Aperfeiçoamento para Professores da Língua Inglesa (Fulbright DAI), aderido pela Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), a convite do Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Educação (Consed). 

As candidaturas deverão ser enviadas até 13 abril. A primeira etapa de seleção é estadual, quando serão selecionados quatro candidatos. Os interessados devem entrar em contato com a Divisão de Ensino de Línguas (Diel) da SEE, pelo telefone (68) 99996-4280 e marcar agendamento para receber as orientações. 

Chefe da Divisão de Ensino de Línguas da SEE e coordenadora do Programa Fulbright DAI no Acre, Kellen Duarte. Foto: DIEL/SEE

O programa possui a duração de um semestre acadêmico em uma universidade americana e inclui aulas e treinamento intensivo em metodologias de ensino, planejamento de aula, estratégias de ensino, liderança e usos de tecnologia na educação.

A coordenadora do Fulbright DAI aqui no estado e chefe da Diel, Kellen Duarte, avalia que iniciativas como essa preparam os professores para enfrentar os desafios na sala de aula no mundo globalizado de hoje. “É um sonho realizado e contribui grandemente para o aperfeiçoamento de professores, que, muitas vezes, não podem custear uma viagem e estudos deste porte”, conclui. 

Entre os benefícios, estão incluídos passagens de ida e volta para os Estados Unidos, moradia, ajuda de custo para alimentação, orientação pré-partida no Brasil, taxas acadêmicas para a participação no programa, auxílio para aquisição de laptop, livros e outros materiais, workshop de encerramento em Whashintong, D.C, seguro-saúde, visto de intercâmbio J-1, e oportunidade de submeter propostas, solicitando apoio financeiro ao Departamento de Estado  para a implementação de projetos educacionais relacionadas ao aprendizado adquirido no país. 

As atividades nos Estados Unidos ocorrerão entre agosto e setembro de 2023 e incluirão também estágio supervisionado em uma escola de ensino médio, para que os participantes tenham a oportunidade de interagir e praticar os conhecimentos adquiridos com colegas de profissão e alunos americanos.