Peixes e ingredientes amazônicos são destaque em site italiano

O artigo destaca os pratos oferecidos durante o encontro gastronômico
Artigo destaca os pratos oferecidos durante o encontro gastronômico

A gastronomia amazônica, em especial os pratos elaborados com peixes como o pirarucu e o pintado e temperados com ingredientes como o jambu, mereceu destaque em artigo publicado no site VanityFair.it, que fala de moda, cinema, glamour e gastronomia. A matéria é assinada por Anna Mazzoti, na seção VanityFood.

O foco do artigo é o encontro gastronômico oferecido pelo chef italiano Enzo De Prà, do restaurante Dolada, na ArcLinea, a convidados, empresários e comitiva do Acre que participou da Feira Universal das Nações Unidas (Expo 2015) em Milão, na Itália, de 4 a 10 deste mês.

“Você já provou o pirarucu?”, assim começa o texto de Mazzoti, que fala da carne do peixe originário dos rios da Amazônia, como saborosa e versátil, com baixo teor de gordura e rico em proteínas e que, apesar de não ser encontrado no mercado italiano e de outros países, em breve será introduzido, como foi anunciado pelo governador Tião Viana e a primeira-dama Marlúcia Cândida na abertura do encontro.

O artigo destaca que o Acre, apesar de ser um estado pequeno, tem adotado um modelo de indústria com crescimento na área de piscicultura que prima pelo desenvolvimento de forma sustentável aliado à preservação dos recursos naturais.

Além do pirarucu, Mazzoti fez menção ao pintado, peixe de pequeno porte e sabor peculiar, e ao jambu, como aromático e refrescante, capaz de anestesiar a língua por alguns segundos. O artigo traz também uma receita do chef Enzo De Prà: o ensopado de pirarucu.

Para Marlúcia Cândida, que tem buscado divulgar o Acre mostrando o seu potencial em produtos de setores como alimentação, gastronomia e design, o artigo é resultado da difusão do projeto de prospecção idealizado pelo governo do Estado. Trabalha com o arrojo de futuros negócios e intercâmbio de tecnologia e inovação para cadeias de piscicultura, ovinos, bovinos, avicultura, suinocultura, frutas e outros.

“O peixe será um marco importante para difundir e potencializar a política que vem sendo desenvolvida pelo governo com a ideia de ganhar e abastecer novos mercados. Estamos felizes com o resultado do que foi apresentado em Milão, e agora é apostar em lançar nossos produtos buscando um produto diferenciado. Outras matérias publicadas na imprensa italiana ressaltaram como o Acre vem apostando na diversificação da base econômica com o bom uso dos recursos naturais florestais”, comentou.