O quase acreano Milton Hatoum vem ao Acre para o “Laboratório do Escritor”

"Laboratório do Escritor" acontecerá em Rio Branco no próximo dia 18, no Teatro Plácido de Castro

claudio_leal-terra_magazine.jpg

Milton Hatoum publicou o primeiro livro "Relato de um certo Oriente", em 1989. Foto: Cláudio Leal/Terra Magazine

O experiente escritor Milton Hatoum estará no Acre, no próximo dia 18, para bater um papo sobre a arte de escrever romances, contos e novelas. O encontro acontecerá no Teatro Plácido de Castro, às 19 horas. O projeto é chamado "Laboratório do Escritor", evento criado pelas jornalistas Cristiane Costa e Valéria Lamego, em 2006, e que há dois anos levam os mais importantes escritores nacionais a abrir a caixa preta da criação literária.

"Por pouco não sou acreano", disse o escritor Milton Hatoum ao relembrar da passagem de seus pais pelo Acre. Descendente de libaneses, Hatoum nasceu em Manaus, em 1952. Escreveu quatro romances, contos e novelas. Uma de suas obras, "Dois Irmãos", será adaptada pelo diretor Luiz Fernando Carvalho, que produzirá uma micro-série de quatro capítulos no formato das já exibidas "A Pedra do Reino" e "Hoje é Dia de Maria", ambas da TV Globo. Projeto com transmissão prevista para 2010.

O último romance que acaba de ser finalizado é "Órfãos do Eldorado". Um dos próximos projetos do escritor é produzir um livro de memórias, onde Hatoum pretende eternizar a história vivida pelos pais no Acre, antes de irem embora para Manaus, onde se estabeleceram como comerciantes do ramo de tecidos. Hatoum é parente da família que há 98 anos mantém aberta a empresa Casa Farhat, em Rio Branco.