Presença do Estado

Mais de 120 policiais militares fizeram a segurança da Cavalgada 2023

Embarcados em viaturas, em cima de motocicletas e quadriciclos, a pé entre as pessoas, animais e veículos. O aparato de segurança montado neste sábado, 29, pela Polícia Militar do Acre (PMAC) para a Cavalgada 2023, evento de abertura da maior Feira Agropecuária do Estado, reuniu mais de 120 policiais militares de diferentes fardas e unidades para garantir a segurança dos participantes.

Os militares atuaram na segurança viária, policiamento ostensivo e na fiscalização para coibir crimes. Foto: Joabes Guedes

Além da segurança viária e policiamento ostensivo, neste ano a fiscalização para coibir crimes de maus tratos a animais ganhou destaque. O Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA), especializado na área, ganhou a Via Chico Mendes com mais de 20 militares aptos a confeccionar o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) em tempo real.

O tenente coronel Kleison Albuquerque é o comandante do Batalhão de Policiamento Ambiental. Foto: Joabes Guedes

O tenente coronel Kleison Albuquerque, comandante do BPA, destacou que na ocorrência dos crimes dessa natureza, o infrator é responsabilizado, mesmo que permaneça com os animais, pela impossibilidade da condução por parte dos policiais no momento do ato.

“O BPA esteve com seis quadriciclos para fazer o isolamento entre os animais e os veículos, três motocicletas para atendimento de ocorrências, duas viaturas de radiopatrulha em loco e outras duas em apoio externo. O foco era fazer o isolamento dos animais para evitar acidentes, e fiscalizar para evitar maus tratos. Terminamos o evento sem registros de ocorrências, então podemos dizer que cumprimos nosso papel”, enfatizou o oficial.

Presença feminina

Em uma profissão tradicionalmente masculina, a presença de mulheres nas unidades especializadas também foi destaque na Cavalgada 2023. No comando de todo o policiamento do evento deste sábado estava a tenente coronel Cristiane Soares, a primeira mulher a comandar uma unidade especializada na PMAC.

A tenente coronel Cristiane Soares comandou todo o efetivo do policiamento. Foto: Joabes Guedes

O número de mulheres em serviço operacional no Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA) também foi o maior em eventos dessa natureza, em relação aos anos anteriores, presença também vista em unidades do Batalhão de Operações Especiais – BOPE, e vestindo o azulão no policiamento ordinário.