Deracre apresenta propostas para serviços nos ramais dos municípios

: Em reunião líderes rurais definem ramais que serão contemplados neste verão (Foto: Jaqueline Teles)
Em reunião, líderes rurais definem ramais que serão contemplados neste verão (Foto: Jaqueline Teles)

O Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (Deracre) tem percorrido os municípios do Acre apresentando aos produtores rurais os trabalhos de recuperação e abertura de ramais que serão executados neste verão, em parceria com as prefeituras.

As equipes do Deracre já visitaram 16 municípios, e em conversa com os líderes rurais definiram os ramais que receberão os serviços.

“Por onde passamos conversamos com os presidentes das associações, e são eles que definem as prioridades levando em conta a produção e os locais por onde passa transporte o escolar. A exceção é apenas Brasileia e Epitaciolândia, em que a execução dos trabalhos será feita por meio de um convênio com o 7º Batalhão de Infantaria e Construção”, explicou Cristovam Moura, diretor-geral do Deracre.

Em todo o estado serão executados serviços de aberturas de ramais, e melhoramento de trechos críticos. Alem de construção de pontes e instalação de bueiros.

Serão abertos 223 km de ramais, melhoramento de quase três quilômetros  (Foto: Arquivo Secom)
No próximo ano serão investidos mais de R$ 100 milhões (Foto: Arquivo Secom)

“Esses são os serviços que vamos executar neste verão. Sabemos que nem todos os ramais serão contemplados, porque, devido à crise econômica, os recursos estão mais escassos, mas para o próximo ano já temos garantidos R$ 100 milhões, que serão investidos nos nossos ramais, garantindo, assim, escoamento da produção e melhor qualidade de vida para os nossos produtores”, garantiu Cristovam.

Parceria com o 7º BEC

Pela primeira vez, o governo do Acre e o Ministério da Defesa, por meio do comando do 7º BEC, vão trabalhar juntos em recuperação de ramais. os municípios escolhidos são Epitaciolândia e Brasileia, regiões que apresentam grande produção de frangos e leitões.

“É um projeto piloto, e se tudo der certo, vamos querer expandir esse trabalho para outros municípios nos próximos anos”, comentou o gestor do Deracre.

André Hassem, prefeito de Epitaciolândia, agradeceu a parceria e avaliou que é um trabalho que beneficia diretamente a comunidade.

“Com essa parceria, quem ganha é o município, quem ganha é o nosso povo, e tudo que vem para a cidade será bem-vindo”, explicou o prefeito.

Para Francisca Bezerra dos Santos, presidente do Sindicato Rural de Brasileia, o momento é de agradecer por o município estar sendo contemplado com a parceria com o 7º BEC.

“Essa parceria só vai ajudar o produtor. Vamos ter o Deracre, o BEC e a prefeitura trabalhando juntos pela gente. Esse trabalho vai ser brilhante, e o nosso produtor só tem a ganhar. Agradecemos, porque sabemos que se não for junto não anda”, disse.