Cieps: os melhores professores para formar os mais qualificados policiais

Unidade traz ao Acre especialistas para garantir qualidade do ensino oferecido aos profissionais da segurança pública

dsc_3858.jpg

Maria do Carmo elogiou o projeto do Cieps (Foto: Sérgio Vale/Secom)

O Centro Integrado de Ensino e Pesquisa em Segurança Pública (Cieps) Francisco Mangabeira não é apenas um estabelecimento formador  de profissionais em segurança  mas de cidadãos aptos ao desempenho ético de suas funções como homens públicos. Nesse contexto, segundo o diretor-executivo da Secretaria de Segurança Pública (Sesp), os professores convidados ao curso de especialização e complexidade, ministrado a peritos, delegados, praças, agentes e oficiais das polícias Militar e Civil, são escolhidos entre os melhores e mais capacitados.

É o caso de Maria do Carmo do Carmo Ibiapina de Menezes, que por onze anos foi secretária municipal de Segurança Pública em Chaupigny-sur-Marne, na região metropolitana de Paris. Maria do Carmo é socióloga e pedagoga pela PUC do Rio de Janeiro e mestra em sociologia pela Universidade de Sorbonne.  "Trago o debate sobre a política em torno da co-produção em segurança", disse a professora, relacionando fatores como a interconexão entre secretarias e órgãos do Estado e os grandes eixo do trabalho, como educação e saúde, por exemplo, na busca pela melhor política de segurança.

Maria do Carmo elogiou o projeto do Cieps. "Iniciativas como esta são muito importantes", afirmou. Ela está ministrando aulas sobre violência urbana trazendo à discussão com os alunos os modelos de polícia comunitária aplicados na França e nos Estados Unidos. Um dos pontos em debate é a redução do que ela chama de "defasagem" entre as polícias Civil e Militar visando maior integração entre as duas.

Para o soldado da PM de Cruzeiro do Sul, Ismael de Oliveira Lima, o curso está sendo de fundamental importância e tem sido uma grande experiência no aprendizado sobre as melhrores políticas para a segurança pública. "Temos aprendido muita coisa, que certamente irá ajudar no nosso trabalho", resumiu.  A primeira etapa do  Cieps foi inaugurada em 2007 pelo governador Binho Marques e desde então vem formando os profissionais que atuam no Corpo de Bombeiros, na PM e na  Policia Civil do Acre.