Acre Solidário vai receber alimentos arrecadados em show

O Rappa é uma das bandas de rock mais famosas do Brasil e há 15 anos não se apresenta no Acre (Foto: Diego Matheus/Tumulto Comunicação)
O Rappa é uma das bandas de rock mais famosas do Brasil e há 15 anos não se apresenta no Acre (Foto: Diego Matheus/Tumulto Comunicação)

Que tal participar de um supershow e ainda ajudar as vítimas das enchentes? A parceria entre a empresa RP Eventos, o movimento Acre Solidário e o governo do Estado, por meio da Fundação Aldeia de Comunicação, vai permitir ao público comprar ingressos para o show do Rappa por um preço mais barato, em troca de um quilo de alimento não perecível ou fraldas descartáveis. Tudo será revertido à campanha de arrecadação de donativos para as vítimas da alagação.

Os organizadores anteciparam as vendas do primeiro lote de ingressos, com o objetivo de atender de imediato os desabrigados. Os interessados já podem adquiri-lo pelo preço promocional na loja K&K Bijoux.

“A empresa nos procurou para apresentar seus eventos e também se mostrou sensível com as pessoas atingidas pelas cheias dos rios. O governo, apoiador de iniciativas que fomentam o lazer e movimentam o comércio, se prontifica a apoiar no que é possível e agradece a parceria com o Acre Solidário, coordenado pela primeira-dama Marlúcia Cândida. Quem comprar o ingresso e doar alimento, além de pagar mais barato pelo evento, ajudará uma família necessitada”, ressalta a secretária de Comunicação, Andréa Zílio.

O Rappa é uma das bandas de rock mais famosas do Brasil e há 15 anos não se apresenta no Acre. “Estamos produzindo um show com uma superestrutura de cenário e iluminação. Será no Maison Borges, dia 24 de abril. Uma oportunidade única para os acreanos se divertirem e ainda ajudarem as vítimas da enchente”, lembrou Eduardo Caetano, da empresa.

Os ingressos da pista custam R$ 50 , mas doando um quilo de alimento saem por 40. Na ala vip o preço original é R$ 60, com a doação sai por R$ 50 . Já os ingressos dos camarotes ficam ainda mais atraentes com a doação, de R$ 120 saem por R$ 100.

“Essa parceria nos permite fomentar o entretenimento e levar solidariedade às famílias que precisam da nossa ajuda”, comentou Alexandre Nunes, diretor executivo da Fundação Aldeia de Comunicação.

banner-cc