novos protocolos

Servidores da Saúde participam de simulação realística de urgência e emergência em São Paulo

Servidores da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) participaram nesta quarta-feira, 16, do curso de Simulação Realística em Urgência e Emergência Adulta, no Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa, do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. A capacitação foi promovida pelo Ministério da Saúde (MS), em parceria com o Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-Sus).

O curso foi realizado no Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa, do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Foto: cedida

Com o objetivo de formar multiplicadores dos conhecimentos adquiridos, o treinamento visa a qualificação de profissionais que atuam na urgência e emergência do Estado. Segundo o enfermeiro e coordenador da Rede de Urgência e Emergência do Acre (RUE), Edvan Ferreira, o curso trará novos protocolos para o manejo do paciente em urgências cardíacas, neurológicas e traumatológicas.

“A simulação realística acontece com bonecos e atores que demonstram situações reais dentro de ambientes de urgência e emergência, como parada cardíaca, acidente vascular cerebral (AVC), acidente com trauma, tentativa de suicídio. Foram diversos cenários e, a partir do curso, poderemos atualizar os protocolos estaduais voltados para essas patologias”, explicou.

Os conteúdos ministrados no treinamento serão multiplicados aos profissionais da Saúde do Estado. Foto: cedida

Participaram, ainda, a enfermeira e coordenadora do Núcleo de Educação Permanente (NEP) do Pronto-Socorro de Rio Branco, Mônica Nascimento, e a coordenadora da Divisão de Processos Educacionais da Sesacre, Patrícia Satrapa. A capacitação foi realizada em duas etapas, com uma carga horária de 16h online e 8h de forma presencial.