políticas públicas

Ribeirinhos do Parque Nacional da Serra do Divisor são beneficiados com ação social do governo do Acre

Do extremo ocidental do país, o Parque Nacional da Serra do Divisor, em Mâncio Lima, vem testemunhos de políticas de Estado que colocam a vida humana em primeiro plano.

Mais de 400 moradores com direito à cidadania e dignidade garantidos. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Nesta matéria da Agência de Notícias do Acre veja a satisfação de brasileiros com a chegada dos serviços públicos num dos lugares mais remotos do país.

Presença do Estado numa das regiões mais isoladas do Brasil. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Pela primeira vez, em 64 anos de vida, Lauro Moreira da Silva viu chegar na região inúmeros benefícios, que, na maioria das vezes, tornam-se acessíveis a 159 quilômetros dali, na zona urbana de Mâncio Lima.

Cedinho da manhã da última sexta-feira, 21, o ribeirinho dirigiu-se à comunidade Pé da Serra, onde fica a Pousada do Miro, local onde foram ofertados os serviços.

Ação promoveu saúde à população da Serra do Moa. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Após ancorar sua rústica embarcação às margens do Rio Moa, o idoso renovou a esperança de dias com mais dignidade à medida que o encontro com o médico especialista se aproximava.

Lauro: “O governo mandou o socorro na hora certa”. Foto: Marcos Vicentti/Secom

“Como morador antigo, eu sei da importância da presença dessas equipes aqui, na Serra. O governo mandou o socorro na hora certa”, frisou.

Dores, insônia e problemas psicológicos resumem o delicado quadro de saúde de Evanildo Santos da Silva, 39 anos. Acompanhado da mulher, Silvana Sabino, o ribeirinho fez consulta médica e recebeu medicamentos que vão estabilizar o seu sofrimento, que dura três décadas.

Apesar das adversidades, como as chuvas intensas do inverno amazônico, ribeirinhos procuraram assistência. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Mas o caso dele necessitava de mais um serviço e o Estado estava ali para ofertar cidadania. “O médico orientou que a gente procurasse a Defensoria Pública, em busca de saber do direito de aposentadoria para o meu marido. O ‘doutor’ conversou com a gente e saímos daqui mais aliviados e com muita esperança de dar certo”, informou Silvana, feliz em saber que o esposo poderá ser beneficiado, futuramente, com aposentadoria do INSS.

Unidade dos serviços: Evanildo realizou consulta médica, recebeu medicamentos e foi orientado a buscar aposentaria junto ao INSS. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Se fossem em busca de atendimento nos centros urbanos mais próximos, o casal levaria, em média, 10 horas de viagem pelos sinuosos rios Moa e Japiim. “Da comunidade onde moro com o meu esposo leva uma hora para chegar aqui. Como não temos condições de comprar o combustível para colocar na canoa, pedimos ajuda de vizinhos e familiares. Graças a Deus deu certo e o meu coração tá cheio de gratidão”, disse a ribeirinha.

Parceira do Estado, prefeitura de Mâncio Lima levou autoestima aos ribeirinhos. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Alguns minutos de tratamento estético foram necessários para a autoestima de Hélia de Oliveira Silva contagiar a equipe do Salão Social e todos que passavam pelo local, adaptado na varanda de um dos aposentos da pousada do Miro. A beleza da mulher serrana, de 70 anos, foi realçada com corte de cabelo, serviço de manicure e de designer de sobrancelhas. “Estou me sentindo renovada. Agora, vou aguardar os elogios dos outros, afirmando que fiquei ainda mais linda”, finalizou com um largo sorriso.

Inúmeros atendimentos odontológicos foram realizados ao longo dos dois dias de ação. Foto: Marcos Vicentti/Secom

A ação do governo do Estado, por meio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (Seasd), Secretaria de Segurança Pública (Sejusp), Secretaria de Comunicação (Secom), Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), Secretaria de Estado do Meio Ambiente e das Políticas Indígenas (Semapi), Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan), Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo (Seet), Secretaria de Governo (Segov) e Secretaria de Estado da Mulher (Semulher), contou com o apoio da Prefeitura de Mâncio Lima, da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), Instituto Chico Mendes de Conservação à Biodiversidade (Icmbio), Defensoria Pública do Estado do Acre (DPE), Marinha do Brasil, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e 61⁰ Batalhão de Infantaria de Selva (61⁰).

Lauro Santos: “É uma satisfação trabalhar em benefício do povo mais necessitado”. Foto: Marcos Vicentti/Secom

O titular da Seasd, Lauro Santos, falou da força-tarefa que reduziu a demanda reprimida de serviços do Estado aos habitantes da Serra. “A proposta é trazer os serviços para bem pertinho das populações que vivem em regiões mais afastadas dos centros urbanos. É uma satisfação realizar essa grande mobilização em favor do povo mais necessitado”, ratificou.

O parlamento acreano caminha de mãos dadas com o governo para desenvolver o Acre. Foto: Marcos Vicentti/Secom

O parlamento acreano deu total apoio à iniciativa. “A Assembleia Legislativa sempre está presente em momentos importantes para o Acre. Esta ação é exemplo de que a união entre os poderes gera avanços à sociedade”, pontuou o presidente da Casa do Povo, deputado Luiz Gonzaga.

Balanço da Ação Social Integrada

Mais de 400 ribeirinhos das comunidades República Pé da Serra, 7 de setembro, Gibraltar, São Salvador e Zumira foram contemplados com atendimentos médicos especializados e odontológicos; palestras sobre empreendedorismo, turismo, educação ambiental, prevenção e enfrentamento à violência doméstica; orientação sobre programa de regularização fundiária e cadastral de benefícios sociais; emissão de certidão de Registro Civil, entre outros. Cerca de 40 profissionais estavam envolvidos na ação, que se estendeu até o sábado, 22.

Além dos serviços públicos, governo e parceiros levaram ajuda humanitária aos habitantes da Serra. Foto: Marcos Vicentti/ Secom

Parque Nacional da Serra do Divisor – um santuário ecológico dentro do estado do Acre

Localizado no Vale do Juruá, segunda maior região do Acre, o Parque Nacional da Serra do Divisor é considerado o local de maior biodiversidade da Amazônia.

Serra do Moa: o ponto mais ocidental do país. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Com extensão de 837 mil hectares, o santuário ecológico do Juruá é um dos principais atrativos turísticos do Acre aos que buscam profunda conexão com a natureza.

As cachoeiras são um dos atrativos do santuário ecológico do Vale do Juruá. Foto: Marcos Vicentti/Secom