Representantes do governo do Acre participam da COP 21

Magaly Medeiros participou da mesa no Le Bourget, sede das discussões da COP 21
Magaly Medeiros participou da mesa no Le Bourget, sede das discussões da COP 21

A diretora-presidente do Instituto de Mudanças Climáticas do Acre (IMC) Magaly Medeiros e o assessor dos povos indígenas, Zezinho Kaxinawa já estão em Paris.

Eles participam da  COP21 (Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas). Nesta quinta-feira, 3, a diretora-presidente do IMC participou da mesa que debateu o tema salvaguardas ambientais e REDD+ (Redução das Emissões por Desmatamento e Degradação Florestal) e a relação do uso da terra por intermédio da efetiva participação e monitoramento comunitário.

“As salvaguardas socioambientais são ferramentas fundamentais para garantir os direitos básicos das comunidades, a conservação dos ecossistemas e da biodiversidade e do cumprimento da legislação estadual, nacional e dos acordos internacionais”, compartilhou Magaly Medeiros.

Além das discussões realizadas pelos chefes de Estado, a COP 21 é um espaço para debates de assuntos relacionados à mitigação dos impactos das mudanças climáticas.

Diversos eventos paralelos, com a presença de representantes governamentais, não-governamentais e sociedade civil, são realizados na capital francesa.

No Museu de Quai Branly foi realizada a mostra Grito pelo Planeta, que exibiu filmes de indígenas do Acre com a temática de preservação da Amazônia.

“Os povos indígenas tradicionalmente são os protetores da floresta, de onde tiram o sustento. Esse conceito que levamos”, destacou Zezinho Kaxinawa.

A COP 21 foi aberta no dia 30 de novembro e terá as discussões encerradas no dia 11 de dezembro.  A agenda acreana ainda inclui a realização do Dia do Acre – Consolidando uma economia verde e de inclusão social na Amazônia, painéis com temas relevantes para o meio ambiente, lançamentos de publicações, assinaturas de termos de cooperação, participação na programação oficial e em eventos do GCF Task Force (Força-Tarefa dos Governadores para o Clima e Florestas) e governo federal.