Práticas inovadoras que visem a melhoria dos índices qualitativos nas escolas são o alvo do projeto

prmio_gesto_escolar_foto_sergio_vale.jpg

Secretária Maria Corrêa apresentou os bons resultados obtidos nesses dez anos de prêmio (Foto: Sérgio Vale/Secom)

O Prêmio Estadual de Referência em Gestão Escolar completa dez anos. Criado com a proposta de estimular a melhoria da gestão escolar e da qualidade do ensino desenvolvido nas instituições públicas, o prêmio já incentivou a inovação e a prática de projetos nas escolas do Acre que culminaram com a melhoria dos índices que medem a qualidade de ensino. E mais: motivou a integração entre as instituições e a comunidade escolar.

A edição 2009 do Prêmio de Gestão foi lançada na manhã desta quinta-feira, 23, no auditório da Secretaria de Estado de Educação (SEE). Para a secretária Maria Corrêa, o evento já faz parte do calendário escolar e contribui para a auto-avaliação das escolas. “A cada ano mais instituições de ensino se inscrevem. Os gestores apresentam os projetos educacionais que vêm trazendo resultados quantitativos. Os bons índices alcançados no Ideb são também uma consequência do envolvimento das escolas, alunos e comunidade do entorno”, disse ela.

Durante a solenidade, foi instituída a comissão responsável pela análise dos projetos que serão inscritos no site www.consed.org.br até o dia 30 de junho. As escolas interessadas devem responder o questionário de autoavaliação, disponível no site, e depois entregá-lo na Diretoria de Gestão da Secretaria de Educação.

A premiação será de R$ 10 mil para o primeiro colocado. Os recursos serão utilizados no desenvolvimento de projetos educativos, além do abono de 20% a ser concedido sobre os vencimentos básicos dos servidores da escola no mês seguinte ao prêmio e uma viagem de intercâmbio aos Estados Unidos. Para o segundo e terceiro lugares, a premiação será de R$ 7.500 e R$ 5.000.

“O Prêmio de Gestão vem há dez anos mostrando as boas práticas de gestão pedagógica e de integração da comunidade escolar, além de refletir o comportamento da escola internamente e a relação com a comunidade”, destacou o secretário municipal de Educação Moacyr Fecury.

A experiência da viagem aos Estados Unidos pela diretora da escola Serafim da Silva Salgado, Lucia Melo, foi apresentada durante o lançamento do Prêmio de Gestão. “Já estamos inclusive utilizando o que aprendi no intercâmbio”, afirmou.

A premiação para as escolas finalistas é uma das maiores do país. São mais de R$ 20 mil distribuídos para serem aplicados em projetos que fortaleçam a aprendizagem escolar. A escola Rui Azevedo é uma das instituições que irá participar da seleção. Para o diretor Valquírio Firmino, o Prêmio de Gestão representa a oportunidade das escolas de apresentarem o trabalho que desenvolvem à comunidade. “O Prêmio garante a melhoria dos índices de ensino e aprendizagem e também a troca de experiência entre as escolas.”