Policiais militares recuperam partituras do século passado

Trinta partituras digitalizadas serão doadas ao Museu da Borracha

memoria_digital_01.jpgPoliciais militares da Banda de Música realizam na manhã desta sexta-feira, 8, às 10 horas na Sala de Música da sede da corporação, a doação de um computador e de 30 partituras digitalizadas para o Museu da Borracha.

De acordo com o responsável pelo projeto, sargento Romeu, as letras das músicas são de autores acreanos da década de 40, estavam se deteriorando, mas que acabaram salvas graças a um projeto aprovado pela Lei de Incentivo a Cultura da Fundação Elias Mansour (FEM). "Para comemorar a digitalização das obras históricas, vamos oferecer um coquetel, além de tocar algumas das partituras para mostrar a qualidade das músicas", explicou Romeu.

A digitalização contou com o apoio da Polícia Militar (PM) e do Museu da Borracha. "Esse trabalho salvou do esquecimento cerca de 600 páginas de letras que poderão ser lembradas para sempre", disse o sargento. Todo o material restaurado acabou sendo reimpresso e encadernado para ganhar maior qualidade e para que possa ser manuseado por músicos interessados.