Polícia Militar abre 80 vagas para alunos na Guarda Mirim em Cruzeiro do Sul

Novos integrantes da Guarda Mirim da PM, em Cruzeiro do Sul (Foto: Val Fernandes/Secom)
Novos integrantes da Guarda Mirim da PM em Cruzeiro do Sul (Foto: Val Fernandes/Secom)

O 6º Batalhão de Polícia Militar (6º BPM), sediado em Cruzeiro do Sul, realizou nesta quinta-feira, 22, a formatura de incorporação de 80 novos integrantes da Guarda Mirim, com as presenças da vice-governadora Nazareth Araújo, da primeira-dama Marlúcia Cândida, de autoridades civis e militares e de pais e parentes dos novos incorporados.

A vice-governadora destacou a importância da Guarda Mirim na vida dos jovens (foto: Val Fernandes)
A vice-governadora destacou a importância da Guarda Mirim na vida dos jovens (foto: Val Fernandes)

A vice-governadora se disse feliz pela participação das famílias e destacou o fato de que em tempos de dificuldades financeiras tenham sido abertas mais 80 vagas na Guarda Mirim, no turno da tarde.

“A gente faz investimento junto com a PM na segurança pública, mas aqui é o investimento na prevenção, na formação dos valores daqueles que formarão a sociedade futura. Os valores que ensinados às crianças serão levados por toda a vida”, disse.

De acordo com Nazareth Araújo, a Guarda Mirim, que hoje está presente em quase todos os batalhões do Estado, vai ter uma melhor estrutura para cuidar de seus participantes, já que o governo conseguiu o credenciamento da merenda escolar para eles. O próximo passo a ser buscado é a implantação de um pelotão feminino.

Lixo Zero

No ato da formatura a primeira-dama do Estado e coordenadora do Acre Solidário, Marlúcia Cândida, fez o lançamento da Campanha Lixo Zero – Ponha a Mão na Consciência.

A primeira-dama lançou a campanha Lixo Zero na formatura (Foto: Val Fernandes/Secom)
Primeira-dama lançou a campanha Lixo Zero na formatura (Foto: Val Fernandes/Secom)

Ela explica que a campanha incentiva a não jogar o lixo no chão, dar um destino correto ao que já foi usado, reutilizar o que for possível e ter o devido cuidado com rios, igarapés, espaços públicos e quintais, para evitar doenças e outros transtornos.

“Aqui, com estas crianças, é a oportunidade de mostrar que elas podem ter isto como arma, para ajudar a melhorar a vida e para uma sociedade melhor”, expressou.

Sobre a Guarda Mirim

A Guarda Mirim surgiu há 22 anos em Cruzeiro do Sul. A partir dos dez anos a criança pode se habilitar. Entra como aluno-soldado e pode chegar a subtenente aos 17 anos, data limite para ficar na Guarda.

Durante o período, os alunos participam de atividades esportivas e palestras educativas e de prevenção às drogas. Além disso, são observados o comportamento, a atitude e aptidão nos cursos de formação.

Francisca: "Meu filho e meu neto estão mais obedientes" (Foto: Val Fernandes)
Francisca: “Meu filho e meu neto estão mais obedientes” (Foto: Val Fernandes)

“Quando não estão na escola, em vez de ficarem nas ruas, eles estão aqui aprendendo a ser cidadãos”, comentou o comandante da Guarda Mirim, tenente Alderlei Sampaio de Almeida.

Francisca Pereira da Silva tem um filho e um neto que estão na Guarda Mirim há cerca de quatro meses. Ela já nota a diferença neles. “Sou eu que crio o meu neto, e para os dois eu sou o pai e a mãe. Noto que eles estão mais obedientes”, afirmou.