Compromisso

Peixes da Amazônia finaliza ano com nova entrega para o Peru

Apesar das fortes chuvas nos últimos dias que fizeram o Rio Iquiri transbordar, e consequentemente inundaram parte da indústria de processamento da Peixes da Amazônia, equipes do grupo conseguiram preparar mais uma carga de 10 toneladas de pescado para exportar ao Peru.

Peixes da Amazônia gera emprego e renda tanto para o pequeno quanto para o grande produtor (Foto: Angela Peres)

Na última quarta-feira, 27, as águas das chuvas inundaram os tanques de criação de pescado, mas com a baixa das águas, ao fim do dia 28, a equipe conseguiu preparar os lotes de peixe tipo Pirapitinga, sendo a última exportação de 2017.

“Ficamos muito preocupados com essa enchente atípica do Rio Iquiri, que nos trouxe alguns danos, porém conseguimos cumprir com acordo de exportação para com os irmãos andinos e enviamos 10 toneladas de Pirapitinga”, explicou o diretor-presidente da empresa, Fábio Vaz.

Vaz diz ainda que a enchente atingiu cerca de 30% dos tanques, porém redes foram instaladas para conter o escoamento dos peixes.

“Estamos sendo acompanhados pela Defesa Civil Estadual e somos informados a cada momento, caso tenhamos outra subida repentina das águas do Iquiri. Agradeço a todos os colaboradores da empresa, que demostraram um profissionalismo enfrentando contingências como a alagação de maneira rápida e responsável pensando sempre nos clientes”, enfatizou Fábio Vaz.

Essa foi a segunda carga de pescado entregue neste mês de dezembro. Na última semana foram enviados 18 toneladas de cortes de peixes para o sudeste do país, para clientes como Maui Distribuidora, Swfit JBS e Coco Bambu.

Na primeira semana de 2018, a Peixes da Amazônia já se prepara para enviar a primeira carga do ano para São Paulo e demais estados com cerca de 20 toneladas de pescados.