Mais uma chance

Ministério da Saúde volta a prorrogar campanha de vacina contra a gripe

Quem faz parte dos grupos prioritários e ainda não se imunizou contra a influenza (gripe) ganha mais uma oportunidade do Ministério da Saúde (MS).

Pela segunda vez, o governo federal decidiu prorrogar a campanha de vacinação, que terminaria nesta sexta-feira, 15. O novo prazo vai agora até a sexta-feira da próxima semana, 22.

A prorrogação tem como motivação o fato de que quase todos os estados do Brasil ainda não têm alcançado a meta de 90% dos grupos prioritários. No país, apenas Amapá, Goiás e Ceará atingiram a meta.

O Acre, com um índice de 68,93%, é um dos estados que menos vacinou até o momento, estando à frente apenas de Amazonas, Roraima, São Paulo e Rio de Janeiro.

Os grupos prioritários são pessoas com 60 anos ou mais de idade, crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade, gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores de saúde, povos indígenas, portadores de doenças crônicas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e professores das escolas públicas e privadas.