Qualificação

Governo oferta cursos profissionalizantes para comunidades indígenas

Para atender demandas da Modalidade Especial de Educação Escolar Indígena no estado do Acre, o Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec) e a Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE) juntaram-se na missão de ofertar cursos profissionalizantes, técnicos e a devida certificação para comunidades indígenas.

Certificação de cursos FICs, profissionalização e curso Técnico de Magistério Indígena são algumas das prerrogativas do termo Foto: Ascom/Ieptec

A proposta inicial é que o Ieptec analise, avalie e avalize todas as formações iniciais e continuadas (FICs) ofertadas pelo Departamento de Educação Escolar Indígena da SEE, realizando a devida certificação.

A parceria também pretende garantir a implantação do curso Técnico de Magistério Indígena, em nível médio, baseado no Projeto Político Pedagógico do Curso de Formação em Magistério para Professores Indígenas, aprovado pelo plenário do Conselho Estadual de Educação (CEE).

O encontro contou com a presença das equipes técnicas de ambas instituições Foto: Ascom/Ieptec

Também serão ofertados cursos no âmbito da Educação Profissional e Tecnológica, devidamente pactuados nas comunidades educativas, nas seguintes áreas de formação: cursos profissionalizantes (Agente Comunitário de Saúde, Agente de Limpeza e Conservação, Agricultor Orgânico, Apicultor, Aquicultor, Artesão de Artigos Indígenas, Assistente Administrativo, Assistente Financeiro, Avicultor, Cabeleireiro, Eletricista Instalador Predial de Baixa Tensão, Higienista de Serviços de Saúde, Operador de Processamento de Frutas e Hortaliças, Pedreiro de Alvenaria, Piscicultor) e cursos técnicos (Técnico em Administração, Técnico em Agente Comunitário de Saúde, Técnico em Artes Visuais, Técnico em Contabilidade, Técnico em Eletrotécnica, Técnico em Enfermagem, Técnico em Gerência de Saúde, Técnico em Guia de Turismo e Técnico em Nutrição e Dietética).