Investimento profissional

Governo investe quase R$ 8 milhões em qualificação profissional de servidores públicos

O Acre vive um momento de ascensão de conhecimento, com o desenvolvimento de políticas públicas de valorização profissional e com objetivo de aprimorar cada vez mais a prestação dos serviços públicos no estado, o governo oferece capacitação profissional em diversas áreas de conhecimento aos servidores.

Cerca de 30 mil servidores já foram certificados pela Fundação Escola do Servidor Público do Acre (Fespac) num investimento de quase R$ 6 milhões, desde sua criação em 2011, em formação continuada, cursos de extensão, formação, idiomas, capacitação, pós-graduações presenciais e à distância, dentre outros.

Além disso,o governo do Acre também tem parceria outras instituições públicas e gera oportunidades aos jovens, através do programa de estágio, e à comunidade civil, por meio de associações.

“O investimento aplicado pelo governo do Estado para qualificar a gestão pública, especialmente na Escola do Servidor Público é a reafirmação de que o desenvolvimento dos conhecimentos e competências técnicas, gerenciais e comportamentais é a mola propulsora para elevar a qualidade e a efetividade dos resultados das políticas públicas desenvolvidas aos cidadãos”, disse a diretora da Fespac, Heloísa Pantoja.

Profissionais da saúde também foram contemplados com qualificação. No setor, mais de 1.000 servidores foram certificados, fruto da parceria com as Universidades de São Paulo (USP), Federal da Bahia (UFBA), de Brasília (UnB), Federal de Santa Catarina (UFSC) e Federal do Pará (UFPA). Recentemente, o governo começou uma nova parceria com a Universidade do Colorado, nos Estados Unidos, para a área do Direito.

O projeto do governo com a Faculdade de Medicina do ABC (FMABC) detém investimentos de mais de R$ 1,3 milhão e representa, além da qualificação para as políticas públicas do estado, um passo importante para a instauração do curso de Medicina na região do Juruá, pela Universidade Federal do Acre (Ufac).

Durante a gestão do Governador Tião Viana, o Acre ofereceu oportunidade para mais de 1000 profissionais se qualificarem na área da saúde. (Foto: Arison Jardim/Secom)

A ação é executada por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), com o intermédio da Secretaria de Ciência e Tecnologia (Sect), em parceria com a FMABC e a Ufac. Foram selecionados 40 médicos e outros profissionais da saúde – 30 terminaram o mestrado e dez irão realizar o doutorado.

Diretor da FMABC e secretário de Saúde do Estado de São Paulo, David Uip, falou da honra da instituição em realizar esse trabalho conjunto. “Essa parceria vai se expandir e muito, é uma troca de conhecimento absolutamente fundamental. É desta forma que entendemos o Brasil, associativo, futurista, procurando a solução para seus problemas e melhorando a formação com a academia. Hoje é um momento de júbilo para a Faculdade de Medicina do ABC”, afirmou.

Universidade do Colorado

Uma parceria do Estado com a Universidade do Colorado em Boulder está oferecendo capacitação na área de resolução de conflitos para servidores da justiça. O curso foi ministrado pela vice-reitora da Faculdade de Direito da Universidade do Colorado, Jennifer Sullivan. De acordo com a chefe da Casa Civil, Márcia Regina, o estado está contribuindo para o processo de resolução de conflitos sem a necessidade de acionar a justiça.

“Estamos aprimorando a teoria, mas, sobretudo, olhando a nossa prática. É importante que os nossos profissionais tenham a percepção clara de como mediar conflitos, como caminhar para solucionar problemas sem, necessariamente, utilizar a justiça”, observou, Márcia Regina.

Em parceria com o Acre universidade do Colorado, Acre contempla servidores da justiça (Foto: Alexandre Noronha)

Segundo a procuradora de Justiça no Acre e diretora do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf) do Ministério Público Estadual (MPE), Patrícia Rêgo, a instituição passa por processo de fortalecimento e incentivos de políticas de autocomposição, o que soma-se ao apresentado na qualificação.

“Os Estados Unidos são o país que mais avançou e que tem a justiça negociada como paradigma para todos os outros, portanto, trazer um curso com a Universidade do Colorado, nesse tema, é algo bastante significativo”, salientou a procuradora.

Além da capacitação, no estado, mais de mil profissionais já passaram por qualificação, especialização (mestrado e doutorado), por meios dos incentivos de formação ofertados pelos programas de governo.

Além da Universidade do Colorado, a unidade federativa acreana também agrega a parceria das universidades de São Paulo (USP) e Bahia, Fundação Getúlio Vargas (FGV), Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).