comunicação pública

Governo investe em melhorias na Rádio Difusora de Tarauacá

A reforma da estrutura física da Rádio Difusora Acreana de Tarauacá, autorizada pelo governo do Estado, com investimento na ordem de R$ 420 mil, está em pleno andamento e a nova torre de transmissão, que custou R$ 53 mil, já está instalada, passando por ajustes finais, garantindo a comunicação das rádios AM e FM no município.

Serviços em melhorias na Rádio Difusora de Tarauacá estão em pleno andamento. Foto: cedida

Tanto a compra e montagem da nova torre, como a reforma do prédio foram priorizadas pelo governo ainda no mês de outubro do ano passado, quando a torre caiu após danificação dos seus esteios. Nessa segunda quinzena de janeiro a rádio recebeu o novo equipamento e as equipes encarregadas da montagem e manutenção.

“A Difusora é um patrimônio histórico do Estado, tem sua história e importância na vida dos cidadãos em cada um dos municípios acreanos, pois é um instrumento eficiente na garantia do direito à informação e meu dever como governador é assegurar sua funcionabilidade em todas a regiões”, frisou o governador Gladson Cameli.

A Rádio Difusora de Tarauacá foi fundada de maneira experimental em 1991, pelo então governador Edmundo Pinto, com 1.000 Watts de potência na frequência de 820 Khz, ondas médias. Sua instalação se deu pelo engenheiro e diretor da Rádio Difusora Acreana, Eurico Filho. Em outubro de 1992 foi inaugurada pelo governador Romildo Magalhães.

Única rádio do município e o único meio de comunicação entre as comunidades rurais e urbanas, por meios dos jornais A Voz do Brasil e Jornal Difusora, da Rádio Difusora Acreana, os moradores das comunidades rurais têm acesso às notícias e informações estaduais e nacionais.

A inauguração foi em 15 de junho de 1992, ficando marcada como o dia de comemoração do aniversário da Rádio Difusora de Tarauacá, uma homenagem à primeira rádio do município na década de 80, que se chamava Rádio 15 de Junho, e também pelo aniversário do Estado do Acre. O primeiro jornal local da emissora, o Jornal Difusora, foi ao ar de segunda a sexta-feira, às 12h, horário em que se propagava ainda melhor as ondas médias, alcançando os lugares mais distantes.