José Rosa aponta a melhoria do preço como fator primordial para a atividade (Foto: Karen Aiache/Secom)
José Rosa aponta a melhoria do preço como fator primordial para a atividade (Foto: Karen Aiache/Secom)

O governo do estado afirma cada vez mais seu compromisso com os produtores de borracha do Acre. Na última segunda-feira, 29, o governador Tião Viana inaugurou uma fábrica de processamento de borracha, em Sena Madureira, que irá possibilitar a industrialização da matéria-prima de todo o estado.

Além do crescimento econômico, o investimento garante ainda um comprometimento com as questões ambientais: “Essa é uma grande oportunidade para a economia e o futuro do Acre na boa utilização da floresta e do meio ambiente”, destaca Viana.

O empreendimento irá alcançar aproximadamente quatro mil extrativistas, que têm a borracha como fonte de renda. Há 20 anos, João Batista Ferreira da Silva, trabalha na extração do látex: “Quando comecei, a seringa era desvalorizada, quase não se produzia mais. Hoje com incentivos do governo, voltamos a viver melhor e exclusivamente da venda da borracha”, lembra.

“O mercado da borracha no Acre esteve por muito tempo quase falido. Antes vendíamos o quilo por R$ 0,40 e hoje vendemos a quase R$ 8,00. Agora está todo mundo bem de vida, tem seringueiro que está vivendo uma vida que nem imaginava”, aponta o produtor José Rosa de Oliveira.

Empreendimento irá beneficiar 1.400 famílias, inicialmente (Foto: Gleilson Miranda/Secom)
Empreendimento irá beneficiar 1.400 famílias, inicialmente (Foto: Gleilson Miranda/Secom)