Governo e prefeitura planejam ações pós-enchente

Recuperação da cidade, entrega de kits de limpeza e retorno das aulas foram debatidos na reunião (Foto: Sérgio Vale/Secom)
Recuperação da cidade, entrega de kits de limpeza e retorno das aulas foram debatidos na reunião (Foto: Sérgio Vale/Secom)

A governadora em exercício, Nazaré Araújo, e o  prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, comandaram mais um reunião na sala de situação do Corpo de Bombeiro, nesta segunda-feira, 9. Na ocasião, deu-se sequência ao planejamento de ações de limpeza da cidade e retorno das famílias para casa, após a enchente na capital e nos municípios do Alto Acre.

Participaram da reunião representantes da Defesa Civil do Estado e do município, Exército Brasileiro, Secretaria de Estado de Educação (SEE), Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e Sistema de Proteção da Amazônia.

Um dos temas elencados pela prefeitura foi o processo de desocupação das escolas para o retorno imediato das aulas na capital. “Começamos esse trabalho na Baixada do Habitasa, e nove escolas já receberam os kits de limpeza enviados pelo governo federal. Nosso objetivo é desocupar as escolas que serviram de abrigo até sexta-feira [13], para que a Secretaria de Educação restabeleça o ano letivo”, explicou o prefeito.

Segundo o prefeito, cerca de 30 toneladas de entulho já foram recolhidas na capital (Foto: Arison Jardim/Secom)
Segundo o prefeito, cerca de 30 toneladas de entulho já foram recolhidas na capital (Foto: Arison Jardim/Secom)

Marcus Alexandre destacou ainda que as famílias alojadas no Parque de Exposições e no Sesc do bairro Bosque retornam para casa por último, quando a estabilidade no Rio Acre estiver de fato assegurada pelas equipes de monitoramento. Com o início da operação de limpeza na cidade, a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) estima que cerca de 30 toneladas de entulho já foram recolhidas.

Nazaré Araújo contou que nesta terça-feira, 10, seguirá novamente para o Alto Acre, juntamente com as equipes do Ministério Público Estadual (MPE) e do Tribunal de Justiça (TJAC) para realizar a entrega de mais kits. “O Ministério Público e o Tribunal de Justiça têm estado conosco participando dessas ações e amanhã entregaremos mais 800 kits com material de higiene pessoal e cestas de gênero alimentício nas cidades afetadas”, contou.

Monitoramento indica estabilidade

Segundo monitoramento feito pela Sema e pelo Sipam, as chuvas que caíram em Assis Brasil já escoaram. Em Xapuri o Rio Acre está subindo, mas não há previsões alarmantes para a cidade. Em Capixaba, o rio está estável e o Riozinho do Rola também continua descendo.

Em Rio Branco, o rio tende a estabilizar, e até as 22 horas deve atingir 16,42 metros. “Ainda há previsão de chuvas para o Alto Acre, mas nada em caráter significativo”, afirmou o meteorologista Luiz Alves, do Sipam. Em Brasileia, o nível previsto para as 22 horas é de 10,60 metros, mas as perspectivas de cheia se mantêm sem grandes proporções.