Governo e prefeitura desenvolvem ações de proteção das águas de rio

Parceria discute projeto de preservação da nascente do Riozinho do Rôla (Foto: cedida)
Parceria discute projeto de preservação da nascente do Riozinho do Rôla (Foto: cedida)

O gestor da Secretaria de Extensão Agroflorestal e Produção Familiar (Seaprof), Glenilson Figueiredo, recebeu na manhã desta quarta-feira, 6,  a secretária de Meio Ambiente de Rio Branco, Sílvia Brilhante. O encontro foi para avaliar as ações desenvolvidas na parceria entre governo e prefeitura, em um projeto piloto na conservação do Riozinho do Rôla, principal afluente do Rio Acre na capital acreana.

O projeto já vem sendo desenvolvido e alcança bons resultados. Com recursos da Agência Nacional das Águas (ANA) no valor de R$ 249 mil, o projeto identificou 50 famílias de produtores ribeirinhos que passaram a desenvolver atividades produtivas que permitem a conservação do manancial.

A Seaprof entra como parceira no plantio de frutíferas e na recuperação das áreas de nascente do rio, sempre com o foco de fazer com que essas boas práticas ambientais se traduzam também em benefícios de produção aos ribeirinhos.

“Esses produtores do Riozinho do Rôla estão sendo beneficiados com esse projeto, e os resultados estão sendo satisfatórios, por isso a importância da Seaprof no projeto. As boas práticas se transformam em produção e renda para os trabalhadores”, enfatiza Sílvia Brilhante.

Com os bons resultados alcançados, existe um indicativo do governo do estado, prefeitura de Rio Branco e Agência Nacional das Águas em continuar com o programa, que tem seu encerramento previsto para o mês de agosto.

“Esse é o foco da Seaprof: garantir a preservação dos recursos naturais, e todo mundo sabe que o Riozinho do Rôla tem uma grande importância para a nossa bacia hidrográfica e gera renda nas comunidades para proporcionar a melhoria da qualidade de vida dos nossos produtores familiares”, destaca Figueiredo.