Saúde Mental

Estado ganha reconhecimento pelos serviços de saúde mental

Em alusão ao Dia Mundial da Saúde Mental foi realizada, nesta quinta-feira, 10, uma sessão solene na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), em conjunto com o Conselho Regional de Enfermagem do Acre. Na ocasião, foram homenageados diversos personagens que atuam na saúde mental do Estado, entre eles, a secretária de Saúde, Mônica Feres. 

Marcos Faustino, secretário adjunto de Assistência à Saúde, disse que esse é um tema complexo e que são necessárias mudanças para bem assistir a população. 

“É preciso reconhecer o esforço e a competência dos profissionais da saúde mental que hoje lidam com essas doenças e precisamos, como sociedade organizada, fazer as melhorias necessárias para atender bem, e, ainda, nos unirmos para conhecermos melhor os problemas de saúde mental e buscarmos as soluções que vão melhorar a qualidade de vida dos acreanos na saúde mental”, disse o secretário.  

Em alusão ao Dia Mundial da Saúde Mental foi realizada, nesta quinta-feira, 10, uma sessão solene na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) Foto: Odair Leal/Sesacre

O Hospital de Saúde Mental do Acre (Hosmac) ainda é a principal referência no tratamento de transtornos mentais e comportamentais. Assim, não poderia deixar de ter os profissionais da unidade homenageados. O gerente, Halisson Oliveira, conta que a homenagem é pelo serviço prestado à população. 

“Não foi possível estarem presentes todos os profissionais que atuam no Hosmac, mas a homenagem se estende a todos, pois contamos com um número pequeno de profissionais, mas com muito conhecimento, dedicação, responsabilidade e compromisso com a família Hosmac”, destacou Halisson. 

A Federação Mundial de Saúde Mental instituiu, em 1992, o dia 10 de outubro como o Dia Mundial da Saúde Mental. Mais de 300 milhões de pessoas no mundo sofrem algum tipo de transtorno mental e/ou comportamental. No Acre, o Hospital de Saúde Mental é a principal referência para tratamento das doenças ‘da alma’ e ‘mente’.