Campeonato de Jiu-Jitsu no Acre tem apoio do governo e Acre Solidário

A parceria foi firmada nesta segunda-feira, 30, durante reunião entre a secretária de Comunicação, Andréa Zílio, e um dos organizadores (Foto: Diego Gurgel/Secom)
Parceria foi firmada nesta segunda-feira, 30, durante reunião entre a secretária de Comunicação, Andréa Zílio, e um dos organizadores (Foto: Diego Gurgel/Secom)

A primeira edição do Best Fighter Jiu-Jitsu já tem data marcada. Além de atletas de Rio Branco, lutadores de Cruzeiro do Sul, Tarauacá, Feijó e Brasileia já confirmaram participação no evento, que será realizado no Ginásio do Sesi, no dia 12 de abril, das 8 da manhã às 18 horas. O governo do Estado, por meio da Fundação Aldeia de Comunicação (Fundac) e Secretaria de Comunicação (Secom), dará seu apoio em divulgação. A entrada será mediante a doação de um quilo de alimento ou agasalhos, que serão repassados para o movimento Acre Solidário.

Em Rio Branco há mais de 15 academias de jiu-jitsu. Segundo um dos organizadores do campeonato, Marcos Almeida, mais de 90% delas vão participar. A arbitragem, que será feita pelo faixa preta de Belém (PA) Marcus Norat, dará cobertura técnica aos lutadores. “Queremos agradecer de antemão todo o apoio que temos recebido, porque sem essa ajuda não conseguiríamos realizar o evento. Nosso objetivo é inserir o campeonato num calendário fixo de programação”, disse Almeida.

Além de a realização de eventos dessa natureza fortalecer o intercâmbio entre atletas para o desenvolvimento de diversas modalidades do esporte, dessa vez o público também poderá exercer sua solidariedade com as famílias que foram vítimas das cheias dos rios no estado este ano. Basta doar!