Câmaras municipais do Acre criam associação

O encontro reuniu mais de 140 vereadores de todo o estado (Foto: Val Fernandes/Secom)
O encontro reuniu mais de 140 vereadores de todo o estado (Foto: Val Fernandes/Secom)

A governadora em exercício, Nazaré Araújo, participou nesta terça, 16, do encerramento do I Encontro de Câmaras Municipais do Acre, que reuniu mais de 140 vereadores dos 22 municípios do Acre.

O evento, que estreitou o contato entre as câmaras de todo o estado, também propiciou a criação da Associação de Câmaras Municipais do Estado do Acre (Aceacre). “Assumo a presidência da associação com muita responsabilidade e vontade de trabalhar para ajudar os vereadores de todo o estado”, disse Artêmio Costa, presidente.

O evento foi realizado pela Câmara de Vereadores de Rio Branco, com apoio da Assembleia Legislativa do Acre e do gabinete do senador Jorge Viana. “Não tenho dúvida de que se fortalecermos o trabalho dos vereadores resgataremos o respeito da sociedade com a atividade parlamentar, que é tão importante para o funcionamento dos municípios, do estado e do Brasil”, afirmou.

O presidente da Assembleia Legislativa, Ney Amorim, avaliou que o trabalho desenvolvido pelos vereadores é muito difícil e conta com poucos recursos, por isso o apoio é necessário. “Os vereadores saem daqui mais qualificados e mais motivados para ajudar as pessoas que precisam”, avaliou.

O prefeito Marcus Alexandre parabenizou os vereadores pela composição da entidade: “Acho muito positivo o entendimento das câmaras de criar uma associação, para difundir informações e experiências”.

Nazaré Araújo prestigiou o evento (Foto: Val Fernandes/ Secom)
Nazaré Araújo prestigiou o evento (Foto: Val Fernandes/ Secom)

Hoje os vereadores participam de palestras, com o consultor legislativo do Senado Federal, Francisco Schertel, o procurador-geral do Ministério Público do Estado, Oswaldo Albuquerque, e o conselheiro do Tribunal de Contas, Antônio Malheiros.

Para a governadora em exercício, Nazaré Araújo, a associação é muito relevante: “A ação demonstra respeito aos municípios, buscando soluções e encaminhamentos para nossa região, soluções de desenvolvimento e de enfrentamento das crises deixadas pela alagação”.