Bombeiros ministram cursos para jovens em situação de risco social

Cursos têm objetivo de gerar emprego e renda a jovens carentes e promover o enfrentamento da violência

curso__de_capacitao_de_jovens_carentes.jpg

A Secretaria de Segurança Pública (Sesp) desenvolve uma série de atividades e programas que buscam promover o enfrentamento da violência, priorizando o combate à violência doméstica como o Protejo e Projovem, ambos voltados para adolescentes em situação de risco social.

Entre os projetos em desenvolvimento pela Sesp está o projeto Tô na Paz que recebe atenção especial da secretária de Segurança Pública, Márcia Regina, devido à extensa área de abrangência e as especificidades de enfrentamentos.  É por exemplo, o carro-chefe das campanhas de Prevenção à Violência na Família e Música, Escola, Polícia e Família.

Entre as muitas atividades do Programa Tô na Paz, oficiais do Corpo de Bombeiros ministraram hoje a primeira aula dos cursos com dirigidos para Jovem Brigadistas, Jovem Socorristas e Jovem Guarda-vidas. São cursos preparatórios para jovens já selecionados com idade entre 18 e 24 anos.  A aula inaugural desses cursos aconteceu nesta quarta-feira no Sest/Senat, localizado na AC-40 no bairro Vila Acre.  Esses cursos, explica a secretária Márcia Regina, "objetivam a geração de emprego aos jovens carentes, o enfrentamento da violência através de curso profissionalizantes e, naturalmente, a geração de renda".

{xtypo_rounded2}

O que é cada curso

Jovem Guarda-Vidas – Objetivo é capacitar jovens para atuarem como salva-vidas em balneários e clubes sociais. Critérios de seleção: ter idade entre 18 e 24 anos, saber nadar, jovens evadidos da escola (resgatar alunos). Exame médico com atestado de sanidade física e mental.  Carga Horária:  80 horas).

Jovem Brigadista – A atividade do brigadista caracteriza-se pela implementação de medidas de conscientização da prevenção de incêndio, bem como dos meios básicos indispensáveis ao combate efetivo de incêndio, além de aplicação de plano de prevenção contra incêndio e pânico, que incluam técnicas de combate, evacuação, salvamento de pessoas e proteção patrimonial.

Jovem Socorrista – Capacitar jovens para efetuar podas e cortes de árvores; habilitar o jovem nas diversas formas e padrões de corte de árvores; identificar os diversos materiais e equipamentos usados no corte de árvore; conhecer os principais tipos de cortes; executar os principais tipos e formas de podas e cortes de árvores.

{/xtypo_rounded2}