Binho visita obras da 4ª ponte sobre o rio Acre

Trabalho não sofre interrupção mesmo neste período chuvoso. Fundações estão 80% implantadas

ponte__3.jpg

O governador Binho Marques inspecionou nesta terça-feira, 13, as obras da 4ª ponte sobre o rio Acre. Acompanhado do diretor-presidente do Departamento de Estradas de Rodagem, Hidrovias e Infra-Estrutura Aeroportuária (Deracre), Marcus Alexandre, o governador recebeu informações detalhadas desta etapa do projeto e assistiu à concretagem do quarto e último pilar de apoio 2 (na margem da avenida Seis de Agosto). O pilar tem 34 metros de profundidade por 1 metro de largura e para preenchê-lo são necessários 54 metros cúbicos de concreto aditivado, que seca mais rápido e não sofre reação química com a água estocada no solo.

"O cronograma das obras está em dia", disse Alexandre. 4ª Ponte está sendo construída com sistema que melhora a resistência da obra à base de concreto protendido.   São  290 metros de extensão por 19,30 de largura ligando as ruas Epaminondas Jácome e Seis de Agosto.  A 4ª ponte cria  os três primeiros viadutos de Rio Branco nas ruas Cearense, Santa Terezinha e Epaminondas Jácome. Este último terá 19 metros de extensão por 4,60m de altura. Somando-se o projeto de urbanização do Segundo Distrito, o Governo está investindo cerca de R$ 50 milhões no projeto.

Pelo menos 8,2 mil famílias estão sendo diretamente beneficiadas com esse projeto, que é realizado em parceria com a Prefeitura de Rio Branco a partir de orientação do Plano Diretor da capital. Os recursos são do Tesouro Estadual e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Fase III.

ponte_.jpg 

A Fundação de Tecnologia do Acre (Funtac) instalou um laboratório no canteiro da obra na rua Seis de Agosto. A unidade faz exames regulares da consistência do concreto para assegurar a qualidade do serviço, entre outras atividades.

A Construtora Cidade, responsável pelo projeto,  implantou nesta terça-feira, os últimos pilares de apoio da 4ª ponte sobre o rio Acre. As obras não param mesmo neste período chuvoso.  Para instalação do quarto e último pilar, os mais de vinte operários em serviço trabalharam até noite adentro. "Temos 80% do trabalho de fundação prontos", afirmou o diretor comercial da Cidade, Roberto Leitão. Também acompanharam o governador os secretários de Governo, Aníbal Diniz e Professor Xavier.