Mais de R$ 14 milhões foram negociados pelo Banco da Amazônia na Expoacre 2008

assinatura_basa_01.jpg

Financiamentos realizados em 2008 superaram a edição anterior da feira. Foto: Gleilson Miranda/Secom

assinatura_caixa02.jpg

Édson Manchine representou o governador Binho Marques. Foto: Gleilson Miranda/Secom

assinatura_caixa_01.jpg

Superintendente da Caixa Econômica ressaltou as facilidades para adquirir um financiamento. Foto: Gleilson Miranda/Secom

Mais de R$ 14 milhões de reais foram negociados pelo Banco da Amazônia na Expoacre 2008 até este sábado, 02, penúltimo dia do maior evento do Estado.Uma linha de crédito exclusiva para a feira foi lançada e vários contratos foram assinados neste sábado, 02, com o aval do superintendente do Banco da Amazônia, Marivaldo Melo. O chefe da Casa Civil, Édson Manchine, representou o governador do Estado, Binho Marques, na solenidade.Marivaldo destacou que o volume de recursos negociados nesta edição da feira, na ordem de R$ 14 milhões, já superou a movimentação do ano passado, quando foram contratados R$ 10 milhões. A linha de crédito denominada Exposição Feira financia máquinas, veículos, reprodutores, matrizes.“A cada ano a feira se firma como um evento de negócios e ficamos felizes por participar da Expoacre, com negócios realizados com empresários de vários municípios acreanos. Pedimos aos empreendedores que não tenham medo do Banco da Amazônia, temos muitas facilidades a oferecer”, comentou Marivaldo Melo.Manchine parabenizou o Banco da Amazônia: “A gente fica muito feliz em ter o Banco da Amazônia como parceiro, um banco que acredita no nosso Estado”.

A Caixa Econômica Federal, patrocinadora oficial da Expoacre 2008, também oferece linhas de financiamentos, sendo a linha imobiliária o carro-chefe do banco. “Para ter acesso aos financiamentos basta ter em mãos comprovante de residência, último comprovante de renda, RG e CPF”, afirmou o superintendente da Caixa, Aurélio Cruz.

 

Até hoje, 02, foram fechados sete contratos habitacionais no valor total de R$ 530 mil, 56 apólices de seguro de vida, R$ 5.040, além do contrato de parceria com a Ipê Imobiliária, que será um correspondente bancário da Caixa Econômica Federal.