profissionalização

Agentes socioeducativos são capacitados para atuar em panificadora do Centro Socioeducativo de Feijó

Um projeto inovador busca atender a demanda de profissionalização de socioeducandos do Centro Socioeducativo de Feijó. Uma padaria será implantada na unidade e, para isso, dois agentes socioeducativos participaram e concluíram o Curso de Panificação Nível 1, oferecido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), em Rio Branco.

O Centro Socioeducativo de Feijó já possui boa parte do maquinário para implantação da panificadora. Com a efetividade do projeto, os mais de 60 adolescentes terão acesso à profissionalização dentro da própria unidade.

Com a efetividade do projeto, os mais de 60 adolescentes terão acesso à profissionalização dentro da própria unidade Foto: ISE/AC

Além da parceria com o Senai, o Instituto Socioeducativo do Acre (ISE/AC) também contou com a colaboração da Promotoria do Ministério Público em Feijó e do Sindicato dos Agentes Socioeducativos do Acre (Sintase).

Segundo o presidente do ISE, Rogério Silva, um esforço em conjunto foi realizado para que os profissionais pudessem participar dessa capacitação. “As parcerias estabelecidas foram de grande importância para esse momento. Com a capacitação, nossos servidores estarão aptos a iniciar o trabalho e oferecer um espaço de profissionalização a mais de 60 adolescentes”, ressaltou.