6º BPM faz campanha para doação de sangue em Cruzeiro do Sul

Sargento Judson de Oliveira
Sargento Judson: “Estou fazendo minha parte” (Foto: Onofre Brito)

O 6º Batalhão de Polícia Militar (6º BPM) de Cruzeiro do Sul está arregimentando policiais e parentes, além de voluntários de organizações parceiras, para doarem sangue no hemonúcleo local.

Segundo o comandante, major Lázaro Moura, a campanha é parte das comemorações do centenário da Polícia Militar do Acre e o objetivo é salvar vidas. “Policiais militares e familiares estão aderindo à campanha. Somente hoje mais de 20 já doaram sangue e a campanha segue até sexta-feira”.

O sargento PM Judson de Oliveira atendeu ao apelo da campanha: “Sou doador há dez anos e sempre contribuo. Estou fazendo minha parte”, disse.

Hemonúcleo é estratégico

Fátima: "Apoio é importante" (Foto: Onofre Brito)
Fátima: “Apoio é importante” (Foto: Onofre Brito)

A coordenadora do Hemonúcleo de Cruzeiro do Sul, Fátima Girão, ficou muito satisfeita com a ação da PM: “A doação da PM é de grande importância, vai nos ajudar muito”.

Ela conta que, na semana passada, o estoque de sangue estava muito baixo e também a torcida organizada do Flamengo em Cruzeiro do Sul conseguiu mobilizar muitos de seus integrantes para fazerem doação.

A instituição atende toda a regional do Juruá e ainda Guajará, no Amazonas. Atende o Hospital do Juruá, onde sempre são realizadas cirurgias eletivas, o Hospital da Mulher e da Criança (maternidade), o Hospital Dermatológico e a Clínica de Hemodiálise.