Voo inaugural diurno para Rio Branco foi realizado nesta quinta-feira

O novo voo sai de Brasília, faz escala em Porto Velho e chega a Rio Branco às 10h55, diariamente (Foto: Diego Gurgel/Secom)

Com o tradicional batizado de jatos d’água, o Boeing 737-800 da Gol Linhas Aéreas fez seu voo inaugural diurno na manhã desta quinta-feira, 15. O novo trecho faz o percurso saindo de Brasília, faz escala em Porto Velho, com parada final em Rio Branco às 10h50, diariamente.

A demanda atende a um forte apelo do governador Tião Viana e de parlamentares, que pediram a retomada da operação após a entrega das obras da pista do aeroporto de Rio Branco. O voo complementa os que continuam sendo oferecidos no turno da noite, sem escala.

Senadores e deputados vieram a bordo do voo inaugural diurno (Foto: Diego Gurgel/Secom)

A aeronave possui 177 assentos disponíveis. No voo inaugural, vieram 55 pessoas até a capital acreana. De acordo com o diretor executivo da Gol, Alberto Fajerman, esse já era um dos grandes anseios dos moradores de Rio Branco.

“Agora que a pista está pronta e com um belo espaço de desembarque, decidimos finalmente atender ao pedido da volta dos voos durante o dia. Ainda não conseguimos fazer a linha direta, pois fazemos escala em Porto Velho, mas só de conseguir colocar a nova operação é motivo para celebrarmos”, afirma.

O senador Jorge Viana, que veio junto com a tripulação desde Brasília, destacou que se trata de uma batalha longa, que vinha sendo trabalhada pela bancada na Câmara junto ao governo do Estado. “Hoje é um dia de alegria, pois já tivemos épocas em que passávamos mais de 24 horas sem voos, o que não era justo para as famílias acreanas. Nossa luta agora é para conseguirmos reajuste nos preços das passagens, que ainda continuam muito caras”, diz.

Novo aeroporto

O Aeroporto Plácido de Castro passa, atualmente, por reforma e ampliação em sua estrutura. A obra, orçada em cerca de R$ 180 milhões, foi possível graças a uma luta pessoal do governador Tião Viana, junto à então presidente Dilma Rousseff.

Hoje também foi entregue o novo espaço, que contempla o terminal de desembarque de voos domésticos e outro internacional. Além disso, logo mais haverá, também, locações para as instituições públicas, que abrigará Polícia Federal, Secretaria da Fazenda, Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Tribunal de Justiça do Acre e Secretaria de Turismo e Lazer (Setul).

Segundo a gestora da Setul, Rachel Moreira, a segunda etapa da obra deve ser entregue até maio de 2017. “Hoje entregamos um dos pontos mais importantes da reforma, que são os terminais e a pista, na qual fez possível a abertura desse voo diurno. Esperamos que toda a estrutura seja entregue ainda no primeiro semestre no ano, disponibilizando aos moradores do Acre um aeroporto que condiz com a identidade do estado”, afirma.