Tráfego de veículos é liberado em Epitaciolândia

A Avenida Internacional, via localizada em Epitaciolândia que dá acesso a cidade boliviana de Cobija, capital do Departamento de Pando, já está com tráfego liberado desde a noite desta sexta-feira, 9. Ao longo dos dois dias que caminhoneiros em protesto interditaram a avenida, o governo do estado, por meio da Secretaria de Segurança Pública (Sesp), acompanhou as negociações para que o impasse chegasse ao fim.

A manifestação teve início na quinta-feira, 8, quando um caminhoneiro brasileiro, ao transitar pelas ruas do país vizinho, envolveu-se em um acidente de trânsito que resultou em sua prisão pela Polícia Nacional da Bolívia. De acordo com os manifestantes, o caminhoneiro teria sido agredido pela força policial daquele país.

Entretanto, nesta sexta-feira, 9, a pauta de reivindicações mudou e os caminhoneiros passaram a reivindicar a agilidade dos procedimentos burocráticos aduaneiros. Segundo eles, o trâmite para liberar uma carga chega a demorar até dois dias, causando uma série de inconvenientes, sobretudo àqueles procedentes das regiões Sul, Sudeste e Centro Oeste, que, em virtude desses embaraços, têm prejuízos financeiros.

O secretário de Segurança Pública, Emylson Farias, designou uma equipe policial à região de fronteira, em caráter preventivo, para evitar eventuais problemas de segurança, bem como, se colocou à disposição do superintendente da Polícia Federal, que conduziu o processo de negociação com os manifestantes de forma diplomática, visando à desobstrução da via.