Socioeducandos participam de evento contra o tráfico de drogas

O Teatrão foi lotado por alunos e pais durante palestra do Frei Zena Mello (Foto: Brenna Amâncio/ISE)
Teatrão foi lotado por alunos e pais durante palestra do frei Zena Mello (Foto: Brenna Amâncio/ISE)

Para fortalecer a cultura de paz, 35 adolescentes do Centro de Apoio à Semiliberdade, ao Egresso e Família (Casef) participaram nesta sexta-feira, 27, do encerramento da “Semana Internacional Contra o Abuso e Tráfico de Drogas”, no Teatro Plácido de Castro. O evento é uma realização da Secretaria de Estado de Educação (SEE), em parceria com o Instituto Socioeducativo do Acre (ISE) e outros órgãos.

A novidade do dia, no entanto, foi a participação da família desses jovens na atividade, que contou com a palestra “Aprender, Desaprender e Reaprender”, ministrada pelo frei Zeca Mello, doutor em teologia.

Diretora da escola socioeducativa afirma que as drogas ainda são um problema para os adolescentes (Foto: Brenna Amâncio/ISE)
Diretora da escola socioeducativa afirma que as drogas ainda são um problema para os adolescentes (Foto: Brenna Amâncio/ISE)

De acordo com a diretora da Escola Socioeducativa Darquinho, Milla de Oliveira, o projeto Cultura de Paz terá continuidade. “Professores, diretores e demais gestores receberam o treinamento para atuarem com mais ênfase nesses casos. Agora, todos nós seremos multiplicadores da cultura de paz nas escolas”, disse.

Ainda de acordo com a diretora, a maioria dos adolescentes em semiliberdade sofre com a drogadição. “É um desafio falar da questão da violência onde ela ainda é muito presente”, declara.

Segundo o presidente do ISE, Leonardo Carvalho, insistir no combate às drogas tem sido uma das lutas da instituição. “Não poderíamos chegar tão longe sozinhos. Por isso, o apoio da rede que integra a educação, saúde e assistência social do Estado é tão fundamental no enfrentamento desse problema que atinge tanto nossos jovens”, afirma.