SEPMulheres promove encontro de parteiras tradicionais do Alto Juruá

Participaram do encontro cerca de 30 parteiras tradicionais (Foto: Maria Meirelles/Sesacre)
Participaram do encontro cerca de 30 parteiras tradicionais (Foto: Maria Meirelles/Sesacre)

A Secretaria de Estado de Políticas para as Mulheres (SEPMulheres) promoveu na semana passada, na Câmara de Vereadores de Marechal Thaumaturgo, o Encontro de Parteiras Tradicionais do Alto Juruá. Participaram da reunião cerca de 30 parteiras e também o prefeito em exercício, João Deles.

Durante o encontro, as parteiras puderam levantar demandas, conhecer os programas desenvolvidos pela secretaria, além de esclarecer dúvidas sobre a Bolsa Parteira – o benefício propõe o pagamento mensal de R$ 250 para parteiras tradicionais, cadastradas na Secretaria de Saúde (Sesacre), que tenham feito cursos de qualificação e sejam reconhecidas em suas comunidades.

Aldenora Firmino Barbosa, 74, aprendeu o ofício de partejar com a mãe e já realizou mais de 600 partos. “Todos os filhos que tive foi a minha mãe quem pegou. Eu peguei quase todos meus netos, e nunca nenhuma criança padeceu em minhas mãos. Receber um reconhecimento por parte do governo é muito importante para nós, que muitas vezes somos esquecidas pela sociedade”, afirmou.

Como desdobramento do encontro, ficou agendado para o segundo semestre de 2014 o Curso de Aperfeiçoamento de Parteiras Tradicionais. A ação será viabilizada pela SEPMulheres, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) e o Ministério da Saúde, que oferece capacitação em técnicas de aperfeiçoamento da atividade de partejar

Ao término da atividade, a titular da SEPMulheres, Concita Maia, apresentou a campanha estadual “Violência contra a mulher, basta!”. “Este encontro foi um momento de retomada do processo organizacional das parteiras tradicionais. Estamos trabalhando para que as políticas públicas estaduais contemplem todas as mulheres do Acre, em especial as da floresta”, enfatizou a gestora.