Senador Aníbal Diniz pede voto de aplauso ao governo do Acre por bons resultados na Saúde

O Painel de Satisfação com o Sistema Único de Saúde é  uma pesquisa extensa, feita com milhares de usuários em todas as regiões do Brasil

O senador Aníbal Diniz informou na sessão plenária desta quinta-feira, 1º, que protocolou junto à mesa diretora do Senado um requerimento pedindo voto de aplauso ao governo do Estado do Acre

O senador Aníbal Diniz informou na sessão plenária desta quinta-feira, 1º, que protocolou junto à mesa diretora do Senado um requerimento pedindo voto de aplauso ao governo do Estado do Acre

O senador Aníbal Diniz informou na sessão plenária desta quinta-feira, 1º, que protocolou junto à mesa diretora do Senado um requerimento pedindo voto de aplauso ao governo do Estado do Acre e à Secretaria de Saúde do Estado por causa do resultado da pesquisa nacional Painel de Satisfação com o SUS, de responsabilidade do Governo Federal.

Segundo o senador a pesquisa revelou que o governo do Acre obteve a melhor avaliação em ações públicas de saúde em relação a todos os outros Estados brasileiros.

“Fiquei bastante entusiasmado pelo desempenho do governo do Estado do Acre, por isso, apresentei esse voto de aplauso. Sei das dificuldades que o governador Tião Viana tem para administrar um Estado da Amazônia, com todas as intempéries que se possam imaginar. Ainda assim, mantém firme o seu propósito de fazer o investimento com total convicção de que esse serviço de saúde, essa atenção básica com qualidade, devolve à população um grau de satisfação e uma qualidade de vida que merecem todo nosso respeito, disse.

O Painel de Satisfação com o Sistema Único de Saúde é uma pesquisa extensa, feita com milhares de usuários em todas as regiões do Brasil e traz um vasto documento para analisar qual é o grau de satisfação do usuário do Sistema Único de Saúde com os serviços prestados pelo Governo Federal, pelos governos dos Estados e também pelas prefeituras. 

A pesquisa é resultado de 56 mil entrevistas com usuários do Sistema Único de Saúde em 1.695 Municípios de todos os Estados e de todas as regiões brasileiras. 
Na avaliação da atuação das esferas de Governo em relação à saúde pública, o Governo estadual do Acre foi o mais bem avaliado em todo o País. Entre todos os Estados brasileiros, foi o que conseguiu o maior índice de avaliação positiva. Teve ações em saúde pública consideradas “ótima” ou “boa” por 33% dos entrevistados. Foi o mais alto índice de aprovação entre todos os Estados brasileiros. Teve ainda o menor resultado de avaliação de “ruim” e “péssimo” do País, que foram 16%. Isso nos mostra que estamos no caminho certo.

Outros 51% dos entrevistados consideram as ações da saúde pública estadual como “regular”, aceitáveis, e alguns, entre esses, não souberam responder ou não opinaram. Ou seja, tivemos 33% de “ótimo” e “bom”, 51% de “regular” e 16% de “ruim” e “péssimo”  na avaliação do sistema de saúde pública do Acre, nessa avaliação do Painel de Satisfação com o Sistema Único de Saúde.

Com os números em mãos, o senador Aníbal parabenizou o governo do Acre e fez ainda um destaque em relação à região Norte e ao Governo do Estado do Amazonas, que teve a segunda melhor avaliação, com 27% de ótimo e bom, e o segundo menor resultado negativo, com 28%.

Destaque também no interior – O Acre apareceu com outros resultados positivos. Entre os 25 Municípios com melhor atuação estadual em saúde pública, três regionais do Acre – o Alto Acre, a região do Juruá e a região do Tarauacá-Envira – avaliaram positivamente a saúde pública desenvolvida pelo atual Governo da Frente Popular, sob a liderança do Governador Tião Viana.

Na região do Alto Acre, que abrange os Municípios de Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia, Xapuri, 49% dos entrevistados avaliaram a atuação do governo da Frente Popular nas ações de saúde como “ótima” ou “boa”.

No Vale do Juruá, que abrange os Municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Marechal Taumaturgo, Porto Walter e Rodrigues Alves e também no Vale do Tarauacá-Envira, que envolve os Municípios de Feijó, Jordão, Tarauacá, a avaliação em relação aos serviços de saúde foi de 46% como “ótima”  ou “boa”.

As ações do Governo estadual nessas localidades receberam, respectivamente, o segundo e o terceiro lugar num ranking de satisfação dentre as 25 melhores avaliações do País. Por outro lado, as regionais do Acre não apareceram nas 25 piores avaliações de saúde pública do País. Ou seja, os Municípios e as regionais do Acre aparecem entre as 25 melhores e não há nenhum Município do Acre entre as 25 piores.

Em relação à atuação das prefeituras na saúde pública, que em toda a região Norte tem uma avaliação negativa de 52%, ainda assim, a avaliação da atuação das prefeituras do Acre em ações de saúde pública foi considerara “ótima” ou “boa” por 29% dos entrevistados. Essa foi a melhor avaliação entre os Estados brasileiros, também, dos Municípios. Os Municípios do Acre tiveram avaliação média de 29% de “ótimo” e “bom”, quando, no geral, a avaliação negativa dos Municípios da região Norte foi de 52%. Outros 49% dos entrevistados acreanos consideraram as atuações dos Municípios como regulares ou não responderam à pesquisa.

Samu também foi destaque – Outro dado apontado pela pesquisa revela que o serviço prestado pelo Samu é conhecido por 99% dos entrevistados do Acre. A equipe recebeu cumprimentos especiais do senador. “Eu conheço a equipe do Samu do Acre. Eles praticamente dormem na unidade de pronto atendimento, estão prontos para qualquer chamada e é o serviço de saúde pública mais prestigiado, mais reconhecido e mais bem avaliado pela população”, disse.