No segundo distrito

Segurança dá início a ciclo de câmaras temáticas e dissemina plano estadual de atuação

Visando alcançar melhores resultados por meio de esforço conjunto entre as instituições responsáveis pela promoção da segurança pública no Acre, a Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública (Sejusp) iniciou nesta quarta-feira, 2, a rodada de câmaras temáticas, que visam apresentar um plano estadual na área e discutir os principais problemas que afetam a região do Segundo Distrito de Rio Branco, onde há maior incidência de crimes entre as três regionais que compõem a capital.

Autoridades e principais gestores de segurança pública participaram do evento. Foto: Dharcules Pinheiro/Secom

O evento, titulado Sejusp Itinerante, foi realizado no auditório da Escola de Gastronomia, localizada no Conjunto Habitacional Cidade do Povo, e contou com a participação de autoridades locais, entre elas, a prefeita em exercício de Rio Branco, Marfisa Galvão, e gestores das pastas que compõem as forças de segurança do Estado e da União, além de representantes de secretarias municipais e estaduais, e do Ministério Público, entre outras instituições envolvidas.

No interior, as câmaras temáticas terão duração de dois dias, sendo o primeiro dedicado à aplicação de uma oficina com o tema Sobrevivência Policial, do Curso Operacional Integrado (COI), e no segundo as discussões e apresentação do Plano Estadual de Segurança Pública.

O secretário da pasta, Paulo Cézar dos Santos, explica a necessidade e importância do evento: “Estamos iniciando um ciclo, e convidamos os atores do poder público responsáveis pela promoção da segurança para disseminar o nosso plano estadual e discutir soluções para os problemas que afetam cada região acreana. A segunda regional é a que concentra a maioria dos crimes contra a vida e queremos agir de forma pontual, na busca pela garantia da segurança pública, que é um direito de todos”.

O secretário de Paulo Cézar dos Santos apresentou o plano estadual para as autoridades presentes. Foto: Dharcules Pinheiro/Secom

A prefeita em exercício, Marfisa Galvão, por sua vez, parabenizou a Sejusp pela realização do evento e colocou o Município à disposição para colaborar com as ações.

“Estou feliz em poder participar de um evento tão importante como este, em que percebemos as autoridades presentes preocupadas em promover ao cidadão acreano um lugar melhor para viver. Este é o caminho, discutindo, ouvindo e procurando soluções para os problemas de cada região. Unidos e cada um fazendo a sua parte, podemos chegar ao resultado que tanto esperamos”, disse a gestora.

Marfisa Galvão participou do evento como prefeita em exercício. Foto:Dharcules Pinheiro/Secom

A próxima câmara temática será realizada na Regional Purus, entre os municípios de Manoel Urbano, Santa Rosa e Sena Madureira.

Plano Estadual de Segurança Pública

Instituído em 29 de agosto de 2019, o Plano Estadual de Segurança Pública do Acre é pautado nos seguintes eixos: estratégias voltadas às áreas do conhecimento socioambiental; recursos para implementação de programas e ações a serem desenvolvidos, por meio de uma gestão integrada estratégica e operacional; modernização do Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) e do desenvolvimento tecnológico do aprimoramento técnico-profissional;  valorização dos operadores; combate à criminalidade e construção da cultura da paz.

Entre os planos estratégicos, estão a redução dos homicídios e outros crimes violentos letais; redução da violência contra a mulher; prevenção e repressão de situações de exploração sexual; aprimoramento do atendimento a cargo dos órgãos operacionais que integram o sistema; enfrentamento às estruturas de crime organizado; aprimoramento dos mecanismos de repressão e prevenção aos crimes violentos patrimoniais e elevação do nível de percepção de segurança da população.

“Também fazem parte o fortalecimento da atuação dos municípios nas ações de prevenção ao crime; o fortalecimento do aparato de segurança pública e controle de dívidas, fronteiras, portos e aeroportos; ampliação do controle e rastreamento das armas de fogo, munições e explosivos; valorização e aprimoramento de condições de trabalho dignas aos profissionais da Segurança Pública, entre outras ações”, destacou o secretário adjunto de Segurança Pública, Maurício Pinheiro.

Saiba mais sobre a Sejusp Itinerante por meio da apresentação: SEJUSP_Itinerante_2