Conscientização

Saúde do Acre lança campanha de prevenção às ISTs no Carnaval 2024

Em uma iniciativa crucial para promover a saúde durante o Carnaval, o governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), lança a Campanha de Prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) para o período de 9 a 13 de fevereiro de 2024, com o slogan “Voltou o Carnaval e com camisinha a alegria é geral”.

Serão distribuídos preservativos femininos e masculinos. Foto: Divulgação/Sesacre

A ação é uma parceria entre a Sesacre, Serviço de Assistência Especializada do Acre (SAE-AC) e a Organização da Sociedade Civil (Osc Amar), que visa conscientizar a população sobre práticas seguras durante o período festivo. Dentre as atividades programadas, destacam-se ações de educação em saúde, oferta de preservativos masculinos e femininos, fôlderes e cartazes.

Jozadaque Beserra, coordenador do Núcleo Estadual de ISTs. Foto: Neto Lucena/Secom

Jozadaque Beserra, chefe do Núcleo Estadual de Infecções Sexualmente Transmissíveis da Sesacre, enfatizou a importância da campanha, declarando: “A Sesacre está empenhada em facilitar e estimular o acesso a preservativos para todos, especialmente para a população em situação de maior vulnerabilidade. Queremos garantir que a alegria do Carnaval seja acompanhada de práticas seguras, informações claras e cuidado com a saúde de todos os foliões”.

Secretário de Saúde, Pedro Pascoal. Foto: Odair Leal/Sesacre

“Esta campanha não é apenas um esforço para promover a saúde, mas também uma maneira de celebrar essa festa popular maravilhosa que tanto engrandece o nosso país. No entanto, é crucial direcionar a atenção para a proteção, incentivando o uso da camisinha e promovendo uma maior conscientização. Não queremos focar apenas na AIDS ou na infecção por HIV, mas sim em todas as infecções sexualmente transmissíveis”, destacou o secretário de Saúde, Pedro Pascoal.

Ação visa conscientizar a população sobre práticas seguras durante o período festivo. Foto: Divulgação/Sesacre

A Sesacre busca, assim, garantir que a celebração do Carnaval seja não apenas festiva, mas também segura e saudável, promovendo a conscientização sobre a prevenção das ISTs e incentivando práticas responsáveis entre os foliões.