Órgãos Ambientais capacitam Agentes Voluntários

Moradores de áreas de preservação, assentamentos e reservas extrativistas são capacitados para atuarem como agentes voluntários

Iniciou nesta segunda-feira, 22, no Horto Florestal, em Rio Branco, o Curso de Formação de Agentes Ambientais Voluntários. A capacitação tem apoio do Governo do Estado, através da Secretaria de Meio Ambiente, Secretaria Municipal de Meio Ambiente, IBAMA, Secretaria de Florestas, Ministério Público Estadual e Incra.

O objetivo é dar orientações através de aulas e apresentar experiências de sucesso para a formação de agentes ambientais. Estes serão difusores da conservação do meio ambiente nas suas comunidades. São 42 inscritos, sendo eles moradores da Área de Preservação Ambiental (APA) do Irineu Serra, Apa do Lago do Amapá, Reserva Extrativista Chico Mendes, Projeto de Assentamento Boa Água e Colibri.

Segundo o presidente da Associação da Reserva Extrativista, Raimundo Fernandes, o curso é muito importante para a população. "A gente precisa disso na área que mora”. Alunos da Escola Estadual Marilene Mansour, também participam implementando noções de responsabilidade ecológica dentro da rotina escolar.

Durante toda a semana a capacitação trabalha acerca da legislação e sobre a melhor forma de lidar com a biodiversidade, regida nos temas: Meio Ambiente, Ecologia, Gestão e Política Ambiental, Educação Ambiental, Flora, Unidades de Conservação, ZEE, Fauna, Pesca, Fiscalização Ambiental e concluindo com a construção de um Plano de Trabalho para sua comunidade.