Quiosque do Tucumã gera oportunidades de renda aos vendedores

Demétrio dos Santos Costa fala da oportunidade de aumentar sua renda (Foto: Diego Gurgel/Secom)
Demétrio dos Santos Costa fala da oportunidade de aumentar sua renda (Foto: Diego Gurgel/Secom)

“Nunca imaginei que pudesse estar num local como este, cheio de possibilidades. Vir para cá foi mais que uma mudança: foi um salto”, comenta Demétrio dos Santos Costa, um dos comerciantes que ocupam há 15 dias o novo quiosque do Parque Tucumã.

Sua história com vendas começou ali mesmo, vendendo apenas água de coco. Com a oportunidade, seu cardápio se estendeu aos diversos lanches saudáveis que o espaço demanda: sucos naturais, sanduíche natural, salada de frutas e outros.

“Acho uma atitude louvável do governo ter criado esse investimento, num local onde as famílias estão presentes e os esportistas usam para praticar atividades físicas. O quiosque veio somar com esse espaço, agrega ainda mais saúde e harmonia às famílias”, destaca Lourival Marques.

O ambiente acolhe duas lanchonetes e uma loja de artesanatos. Para a vendedora Cléa Cruz, estar num ponto turístico de Rio Branco facilita a divulgação do seu trabalho. “A melhor coisa que aconteceu nos últimos tempos foi eu ter vindo para cá. Acredito que, a partir de agora, as vendas vão melhorar”, prevê.

O projeto é uma iniciativa da primeira-dama do Estado, Marlúcia Cândida, e nasceu da necessidade de dar espaço aos vendedores ambulantes que ali estavam e da ideia de transformar o local em um ponto de encontro e um ambiente cultural. Idealizado pela arquiteta Carolina Sgorla e pelo designer Bruno Imbroisi, o quiosque é feito de bambu, material renovável abundante na região.

Espaço oferece opções saudáveis de alimentação (Foto: Diego Gurgel/Secom)
Espaço oferece opções saudáveis de alimentação (Foto: Diego Gurgel/Secom)