infraestrutura

Programa Água para Todos já realizou a perfuração de seis poços artesianos em Cruzeiro do Sul

O governo do Acre iniciou, por meio do Departamento Estadual de Água e Saneamento (Depasa), a perfuração do 6º poço artesiano em Cruzeiro do Sul, como fruto das ações do Programa Água para Todos, que tem o objetivo de ampliar e melhorar o sistema de abastecimento no Vale do Juruá. A perfuração, iniciada no dia 16, contemplou o bairro Aeroporto Velho.

Perfuração do 6º poço artesiano na cidade de Cruzeiro do Sul. Foto: Marcos Santos/Secom

Para dar celeridade ao trabalho de perfuração dos poços, a equipe conta com um caminhão perfuratriz, que foi restaurado após 20 anos em desuso.

“Hoje temos a satisfação de estar aqui trazendo um benefício para esta comunidade. A vinda desse poço para cá é estratégica porque o Aeroporto Velho é um bairro que sofre bastante em decorrência da escassez de água”, observou José Braz Pedrosa, coordenador-geral do Depasa na região.

O programa pretende beneficiar cerca de 120 mil pessoas com a construção de 20 poços até 2022, o que vai possibilitar o abastecimento de água potável 24 horas por dia.

“Finalizamos o quinto poço, que vai atender as regiões da Vila Rica e os bairros Formoso e parte do Aeroporto Velho. Já estamos planejando perfurar um poço nas regiões do Corcovado e da penitenciária, que ficam em Tarauacá. Essas ações vêm para solucionar problemas de abastecimento de água no Juruá”, relatou o gestor.

Braz Pedrosa, coordenador-geral do Depasa no Juruá. Foto: Marcos Santos/Secom

O coordenador explica que é realizado um mapeamento do bairro por engenheiros, para que seja feita uma extensão da rede de abastecimento e que, entre 30 e 40 dias, o serviço já poderá estar disponível à população.

“É uma iniciativa necessária, que contempla a urbanização desta comunidade, que está crescendo e, consequentemente, vem aumentando a demanda do abastecimento. Eu mesmo estou construindo uma casa aqui e sempre pego água com os vizinhos para poder realizar os serviços. O governo está atento às necessidades dos moradores”, relatou Hélio Mafra, ao tratar dos benefícios que ação trará para a região.

O Depasa prevê a entrega do benefício no prazo de 30 a 40 dias. Foto: Marcos Santos/Secom

Moradora do bairro, a professora Rosângela Silvério afirmou que “há mais de  seis anos a comunidade vinha lutando pelo benefício” e que “as dificuldades como a compra ou retirada de água em cacimbas serão vencidas com a vinda do poço”. “Queremos agradecer ao governador Gladson Cameli, que é um homem humano, meigo e bondoso, por essa conquista”, elogia.