orientações

Procon realiza atividades educativas em alusão ao aniversário do Estatuto da Criança e do Adolescente

Em comemoração aos 33 anos de criação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), celebrado na última quinta-feira, 3 de julho, o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) realizou, durante esta semana, ações educativas para alunos do 9° ano do ensino fundamental, em escolas da rede pública de ensino.

As palestras foram realizadas em Brasileia, na Escola Estadual Cel. Manoel Fontenele de Castro, e em Rio Branco, nas escolas estaduais Theodolina Falcão Macedo e Berta Vieira, e levaram aos jovens ensinamentos sobre a educação financeira e o consumo consciente previstos no Código de Defesa do Consumidor (CDC).

Intuito da ação é conscientizar os jovens acerca do consumo consciente. Foto: Letícia Machado/ Procon

A atividade foi desenvolvida com rodas de conversa por meio de linguagem infanto-juvenil, com o intuito de estimular nos adolescentes a construção de uma consciência preventiva, e levá-los a diferenciar o necessário do supérfluo.

Sérgio Nascimento, chefe da Divisão de Educação para o Consumo do Procon, ressalta que o objetivo da palestra é ensinar este público a importância do dinheiro e de economizar.

“Esses alunos estão começando a ter o acesso ao dinheiro, e a consumir, de fato. Estamos tentando cuidar do problema desde a raiz, que é a infância/adolescência”, destacou.

Ação é realizada em alusão aos 33 anos do ECA. Foto: Letícia Machado/ Procon

A coordenadora de ensino Luciana Rodrigues falou da importância deste tipo de parceria para os alunos, uma vez que vários já entraram no mercado de trabalho. “É importante para o aluno estar sempre atualizado. Então, ele precisa saber como administrar esse dinheiro para, quando se tornar adulto, ser capaz de gerenciar a vida financeira dele”, afirma.

A aluna Letícia Batista falou sobre a experiência na participação do evento: “Gostei bastante, quando for uma adulta vou saber investir meu dinheiro em coisas certas, e, agora, quando for comprar algo vou sempre pensar se vai valer a pena ou não.”

O ECA é um instrumento legal que garante políticas públicas necessárias à infância e a à juventude para prevenção e atuação em situações de risco e vulnerabilidade social.