consumo

Procon/AC realiza palestra sobre Educação Financeira aos servidores do TRE

Educação Financeira foi o tema abordado na palestra oferecida nesta quinta-feira, 18, pelo Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/AC) aos servidores do Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE/AC). A ação é fruto de uma parceria entre as instituições.

Servidores do TRE/AC participam de palestra sobre educação financeira. Foto: Letícia Machado/Procon.

A atividade faz parte de um ciclo de palestras firmado entre o Procon/AC e o TRE para abordar temas voltados à educação para o consumo aos servidores do Tribunal.

A palestra sobre Educação Financeira teve o intuito de levar esclarecimentos e orientações de como se evitar o superendividamento, e foi transmitida ao vivo por meio da plataforma do TRE no Youtube.

O palestrante e chefe do Núcleo de Superendividamento do Procon/Ac, Amin Soares, destaca que a palestra é de grande importância, pois logo após a pandemia o índice de endividamento cresceu muito no Brasil, e principalmente no estado do Acre.

Segundo ele, pesquisas indicam que 80% da população acreana encontra-se endividada, e grande maioria desse percentual não está conseguindo quitar suas dívidas.

“O Procon, junto com o Núcleo de Educação para o Consumo desenvolveu essas palestras para orientar o consumidor. Também temos um núcleo de superendividamento, que também ampara esses consumidores” ressalta.

Palestra abordou maneiras de como se evitar um futuro endividamento. Foto: Letícia Machado/Procon/AC.

Claúdio Barbosa, coordenador do Núcleo Socioambiental do TRE/AC, explica que a abordagem sobre o tema é fundamental, para evitar o superendividamento que tem atingido milhões de brasileiros, o que é evidenciado por meio das estatísticas no número de pessoas inadimplentes registrados nos órgãos de proteção.

“Nós estamos muito satisfeitos, enquanto servidores do TRE, com a promoção desse evento e a possibilidade de contarmos com a parceria fundamental do Procon, por meio do seu qualificado quadro profissional”, destacou.

A técnica judiciária Débora Cavalcante falou sobre a necessidade da educação financeira para todos, uma vez que o consumismo é cada vez mais tentador.

“É muito importante que tenhamos esclarecimentos sobre como gerir melhor nossos recursos financeiros. Educação é primordial em todos os aspectos”, disse.