campanha

Primeira-dama e Ministério Público entregam donativos a entidades assistenciais

A primeira-dama Ana Paula Cameli participou nesta terça-feira, 14, da entrega de donativos para a Associação Beneficente Caminho de Luz, em Rio Branco. Os mantimentos são oriundos das arrecadações da campanha SOS Acre.

Mantimentos são oriundos das arrecadações da campanha SOS Acre. Foto: Pedro Devani/Secom.

“Nossas unidades abrigam pessoas em situação de drogadição que procuram ajuda. Mesmo com todas as dificuldades, principalmente a pandemia, a casa não parou de funcionar. Essa ajuda chegou em boa hora”, agradeceu o coordenador-geral da associação, José Muniz.

O coordenador explicou que a unidade recebe usuários de todos os lugares, encaminhados por igrejas, Centros de Atenção Psicossocial (Caps) e dependentes que chegam de maneira voluntária.

Assinatura do termo de recebimento de donativos. Foto: Pedro Devani/Secom

A entidade atende homens em dependência química de álcool ou de outras drogas que procuram recuperação e desejam ser reinseridos na sociedade. A doação faz parte de um compromisso assumido anteriormente pelo Ministério Público do Acre (MPAC) com o Gabinete da Primeira-Dama para destinar, pelo SOS Acre, os donativos às entidades. Ao todo, dez unidades serão beneficiadas.

“O Ministério Público sempre faz um trabalho exemplar. Tivemos a oportunidade de estabelecer essa parceria para a entrega de donativos que farão total diferença nas dez casas terapêuticas beneficiadas”, enfatizou a primeira-dama Ana Paula Cameli.

Entre as doações constam alimentos, colchões, kits de limpeza, gás de cozinha, água mineral, kits de higiene pessoal, lençóis de cama e toalhas de banho. As casas terapêuticas beneficiadas são: Associação Beneficente Caminho de Luz, Comunidade Terapêutica Ebenézer, Apadeq, Comunidade Terapêutica Rei Salomão, Capev-Shalom, Reconstruindo Vidas, Desafio Jovem Peniel, Casa Resgate (Jocum), Casa Nova Vida (Jocum) e Casa do Pai (Jocum).

Dez entidades serão beneficiadas com as doações Foto: Pedro Devani/Secom

A procuradora-geral do Ministério Público do Acre (MPAC), Kátia Rejane de Araújo, reforçou  a parceria e agradeceu o empenho da associação. “Essa visita do MP e da primeira-dama irá fortalecer as ações da entidade, pois temos um olhar sensível para estas causas”, disse.