População do Paraná dos Mouras vive novos momentos

Como o "Luz Para Todos" muitas mudanças aconteceram na vida de uma comunidade no interior do Juruá

parana-dos-mouras3.jpg

O líder comunitário Jonafá apresenta Paraná dos Mouras: crescimento jamais visto depois que a luz chegou. (Foto Sergio Vale / Secom)

parana-dos-mouras2.jpg

Família típica de Paraná dos Mouras: alegria, trabalho e vida com qualidade no coração do Juruá. (Foto Sergio Vale / Secom)

parana_dos_mouras.jpg

Com o esforço do trabalho e a chegada do Luz Para Todos, José Marleilson adquiriu bens modernos e equipou sua casa. (Foto Sergio Vale / Secom)

Quando o programa Luz Para Todos chegou na comunidade da Foz do Paraná dos Mouras contavam 120 casas. Atualmente, são cerca de 150 habitações, incremento populacional que antes da energia elétrica não se registrava havia tempos.

Paraná dos Mouras está às margens do rio Juruá, numa região rica em lagos e de uma paisagem tão rica quanto sua biodiversidade. Até 2006 a energia elétrica era produzida por um motor a diesel que operava um gerador que por sua vez, só fornecia a luz até às 21 horas. Depois desse horário, era escuridão total ou a lamparina. Os problemas mecânicos eram, muitas vezes, insuperáveis, e o motor disponibilizado pela Prefeitura de Rodrigues Alves,  ficava tempos sem funcionar.

A qualidade de vida garantida pelo Luz Para Todos é visível: ao entrar nas casas o visitante se depara com um aparato de eletrodomésticos que indicam modernidade e conforto. As casas, em sua imensa maioria, têm aparelho de som, TV, geladeira, freezer e tudo o mais. "Só que veio depois da luz", diz José Marlilson, jovem casado Janaína Souza, dona de casa. Ele é colono, tira o sustento da família no trabalho da roça e, com orgulho, mostra o freezer lotado de peixe e comida.  "A gente pode guardar que não estraga. Antes, perdia muita coisa", lembra.

Com a possibilidade de manter em estoque alimentos de melhor qualidade, é possível ver no rosto da população o bem-estar proporcionado pela melhor condição de saúde.

A comunidade de agricultores é forte e garante produzir a melhor farinha de mandioca do Vale do Juruá. "Todo mundo que experimenta a farinha de Paraná dos Mouras diz que é a melhor da região", afirma Jonafá de Souza, líder comunitário e presidente da Associação Porfírio Pociano de Produtores Rurais da Foz do Paraná dos Mouras.   Além da mandioca, a comunidade produz muita banana e grãos, como arroz, milho  e feijão.

Empoderada, a comundidade tem reivindicações, como melhoria do sistema de saúde local e projetos de lazer para a criançada.  Mas a luz é lembrança presente na vida dos moradores: "para mim e minha família mudou tudo quando a luz chegou. Melhorou a água, a comida, tudo", declarou Ana Maria Araújo, que mora há cinco anos na comunidade.

Sobre o programa – O Governo Federal lançou em novembro de 2003 o desafio de acabar com a exclusão elétrica no país através do Programa Luz Para Todos, que tem o objetivo de levar energia elétrica para mais de 10 milhões de pessoas do meio rural até 2008. A ligação da energia elétrica até os domicílios é gratuita.

"Depois que chegou a luz, Paraná dos Mouras não pára de crescer", diz Jonafá. De fato, ao caminhar pelas duas únicas ruas da vila percebe-se que novas residências estão sendo construídas.