Polícias apreendem mais de 300 kg de munições em Manoel Urbano

IMG-20150324-WA0017
Apreensão é fruto do trabalho de inteligência da Segurança Pública (Foto: Sesp)

As Polícias Civil e Militar apreenderam na terça-feira, 24, em Manoel Urbano, 330 kg de chumbo de caça, 80 mil espoletas, três mil cartuchos calibre 22 e cinco mil cartuchos de calibres diversos. Segundo o delegado Remullo Diniz, a Polícia Civil já vinha monitorando o comércio de munição irregular há dois meses.

O caminhão, procedente da capital, tinha como destino final Cruzeiro do Sul. Mas na tarde de ontem, ao estacionar no centro da cidade, foi abordado pelos policiais. No meio da carga, a Polícia Civil encontrou farta quantidade de munições. Os dois ocupantes do veículo foram presos em flagrante e encaminhados à delegacia.

“O combate a esse tipo de crime é necessário, pois a venda ilegal de munição alimenta outros delitos de maior gravidade, como roubos e homicídios. Ainda será investigado o caso para identificar a origem das munições e dos acessórios”, observou o delegado.

Apreensão das munições é fruto da investigação

Segundo o secretário de Polícia Civil, Carlos Flávio Portela, tudo começou ainda no mês de fevereiro, quando um cidadão foi preso com a posse de munição. Na época, ele revelou à polícia quem era o responsável pela distribuição do produto.

“Sempre foi uma diretriz da Secretaria de Estado de Polícia Civil o combate aos ativos criminais, que consistem na livre circulação de armas, munições e tráfico de drogas. A polícia está cumprindo essa política de enfrentamento firme a fomentação de crimes. O transporte irregular e inadequado de material explosivo faz parte desta cadeia criminosa”, frisou Portela.