procedimento

Pacientes do Programa de Obesidade da Fundhacre recebem orientações sobre cirurgia bariátrica

A Fundação Hospital Estadual do Acre (Fundhacre), por meio do Programa de Obesidade, realizou na manhã desta segunda-feira, 7, no prédio da Gerência de Ensino da unidade hospitalar, uma reunião com os pacientes que já estão cadastrados na Central de Agendamento Cirúrgico (CAC).

Programa de Obesidade da Fundhacre realiza encontro com pacientes e explica sobre a cirurgia. Foto: Gleison Luz

“Esse é o primeiro encontro com esses pacientes que estão cadastrados recentemente no CAC. A importância da reunião é para que o paciente entre na sala de cirurgia ciente do procedimento, nesse encontro é explicado para os pacientes o passo a passo de como funciona cada processo”, destaca o coordenador do programa, Alysson Morais.

Objetivo do encontro é para que o paciente entre na sala de cirurgia ciente do procedimento. Foto: Gleison Luz

O encontro, com 18 pacientes, foi conduzido pelo médico cirurgião do Programa de Obesidade, Romeu Delilo, que explicou aos pacientes como funciona o método da cirurgia bariátrica adotado na Fundhacre, além dos cuidados que os pacientes devem ter na semana que antecede a cirurgia, bem como os cuidados no pós-operatório.

Foram realizadas, de fevereiro de 2022 até o momento, 63 cirurgias bariátricas. Foto: Gleison Luz

A paciente Ana Lúcia Losana, autônoma, 49 anos, cadastrada há uma semana, explica que é um privilégio todo o cuidado que vem recebendo dos profissionais no processo. “Essa reunião de hoje é muito importante, pois nos reunimos com todos os médicos, e aqui vamos tirar nossas dúvidas. Vejo todo o cuidado de cada profissional, tanto antes da cirurgia quanto depois. É um privilégio termos todo esse acompanhamento e cuidado via Sistema Único de Saúde (SUS)”, disse a paciente.

“É um privilégio termos todo esse acompanhamento e cuidado via Sistema Único de Saúde (SUS)”, disse a paciente Ana Lúcia Losana. Foto: Gleison Luz

O programa conta com assistente social; fonoaudiólogo; médico cirurgião-geral, endocrinologista, cardiologista, psiquiatra, pneumologista, nutricionista e psicólogo. Foram realizadas, de fevereiro de 2022 até o momento, 63 cirurgias bariátricas.