Leila Pinheiro canta para público acreano

Cantora diz que pretende voltar ao Estado e fazer show para os acreanos.

leila_pinheiros_foto_sergio_vale_5.jpg

Leila Pinheiro relembrou sucessos que gravou ao longo dos 30 anos de carreira (Foto: Sérgio Vale)

Interpretando canções de Legião Urbana, Chico Buarque, Roberto Carlos e Erasmo Carlos, e outras já gravadas e conhecidas do público em sua voz como Besame, Verde, Todo sentimento, a cantora paraense Leila Pinheiro demonstrou simpatia e carinho pelo público acreano em seu show na noite de quinta-feira, 5, em Rio Branco.

Ela que já estreitou relação com o Acre por meio de encontros musicais com o músico acreano, João Donato, esteve no Estado pela primeira vez e anunciou que pretende voltar, dessa vez com um de seus shows. Leila fez uma apresentação em comemoração aos 200 anos de fundação do Banco do Brasil e 80 anos de atuação no Acre.

A cantora nasceu em Belém do Pará e aos 20 anos abandonou o segundo ano do curso de Medicina para tentar sorte na música, e conseguiu. Seu primeiro disco foi gravado em 1983, com as participações de Tom Jobim, João Donato e Francis Hime, entre outros.

A partir daí Leila começou a acumular prêmios como o de Revelação do Festival dos Festivais da TV Globo – onde defendeu a música Verde (Eduardo Gudin – José Carlos Costa Netto) – e o de Melhor Intérprete no Festival Mundial Yamaha, no Japão. Hoje, em quase trinta anos de carreira, Leila Pinheiro é considerada uma das maiores intérpretes da música popular brasileira, principalmente, quando o assunto é Bossa Nova.