reunião técnica

Instituto de Mudanças Climáticas dialoga com lideranças do Povo Shawãdawa, em Porto Walter

Acompanhado de sua equipe, o presidente do IMC, Leonardo Carvalho, realizou uma reunião técnica logo após o encerramento da 5ª Edição do Festival Kãda Shawã Kaya, do Povo Shawãdawa, do Igarapé Humaitá, Aldeia Foz do Nilo, em Porto Walter, no interior do Acre.

O encontro realizado na manhã da segunda-feira, 29, reuniu lideranças indígenas, jovens e mulheres shawãdawas e contou com a presença da secretária de Povos Indígenas, Francisca Arara.

Gestores do IMC e Sepi realizam reunião com lideranças do Povo Shawãdawa, do Igarapé Humaitá, Aldeia Foz do Nilo, em Porto Walter (Acre). Foto: Ângela Rodrigues/IMC

A convite do cacique geral, Raimundo Lima de Souza, o presidente do IMC falou do papel do órgão na pauta climática, no fortalecimento do Sisa e suas instâncias de governança e a observância as salvaguardas socioambientais.

Em seguida, o gestor detalhou sobre financiamentos climáticos e as oportunidades de acesso a recursos, por meio do sistema de REDD+ Jurisdicional.

Lideranças shawãdawas puderam tirar dúvidas acerca do programa de REDD+ Jurisdicional e projetos que contemplam a terra indígena. Foto: Ângela Rodrigues/IMC

Leonardo Carvalho aproveitou para convidar o povo Shawãdawa para que participem das escutas qualificadas, previstas para serem realizadas ao longo deste ano.

O objetivo é fortalecer o processo de diálogo e participação dos povos indígenas para que possam ficar a par das oportunidades de captação de recursos de fundos climáticos, que devem beneficiar os territórios indígenas.

Secretária da Sepi orientou lideranças, jovens e mulheres para abertura do edital Boas Ideais Geram Impacto. Foto: Ângela Rodrigues/IMC

Em seguida, as lideranças tiveram oportunidade de esclarecerem suas dúvidas junto aos técnicos do IMC e da Sepi acerca do pagamento da bolsa dos Agentes Agroflorestais Indígenas (AAFIs), que contam com aporte financeiro do Programa REM Acre e do edital “Boas Ideias Geram Impacto” para que as lideranças, jovens e mulheres indígenas possam ser contemplados.

Reunião contou com a participação de lideranças das aldeias, jovens e mulheres da Terra Indígena Arara. Foto: Ângela Rodrigues/IMC

O edital “Boas Ideias Geram Impacto” é uma iniciativa do governo do Acre, por meio do Programa REM Fase II, que destina recursos para execução de projetos que beneficiam produtores familiares, extrativistas, povos indígenas e comunidades tradicionais.