Espaços públicos

Governo realiza melhorias no Parque da Maternidade, garantindo a promoção de ações de cultura, turismo e lazer

O governo do Acre, por meio da Fundação Elias Mansour (FEM), é o novo gestor do conhecido Parque da Maternidade, que agora recebe uma nova roupagem para melhor atender a população.

A FEM está realizando um trabalho de reestruturação e melhorias para que os pontos turísticos do parque possam ser melhor utilizados, promovendo ações de cultura, turismo e lazer.

As ações de reestruturação já iniciaram e o início das atividades culturais será no dia 24 de novembro. Foto: Fhaidy Acosta

O lançamento das ações será no dia 24 de novembro, com a transmissão dos jogos da Copa do Mundo.

“Sempre foi uma preocupação do governo a ocupação do canal da maternidade, com atividades artísticas, culturais  e de lazer, onde pudéssemos levar recreação, música, economia solidária, ou seja, incentivar a utilização daqueles espaços por toda a população”, destaca o presidente da FEM, Manoel Pedro Gomes.

No local, serão promovidos diversos eventos aos domingos, concentrados na Concha Acústica Jorge Nazaré, local onde será feita a transmissão dos jogos. O percurso que inicia na entrada do canal e encerra na rotatória da Federação Espírita será fechado aos domingos, garantindo mais segurança à população. A delimitação do percurso será de acordo com as etapas de reestruturação.

Os trabalhos de revitalização coordenados pela FEM contam  com o apoio da Seinfra, Seplag, Casa Civil, Deracre, Seet, Seplag, Sejusp, Iapen, Secom, SEE e Detran.

Nova Roupagem

“Com o trabalho de reestruturação do parque queremos que as famílias utilizem os espaços, garantindo também  o acesso às práticas esportivas e culturais da população acreana. A intenção é que várias atividades aconteçam gratuitamente aos domingos, assim como uma feira de gastronomia e de artesanato local. Outro atrativo será o telão de led para a transmissão dos jogos do Brasil na copa do Mundo”, explica o coordenador do projeto, Márcio Aguiar.

O Parque da Maternidade foi inaugurado em 28 de setembro de 2002, e possui uma extensão de sete quilômetros, que vai da Rua Omar Sabino, em frente ao Colégio Salgado Filho, passando por diversos bairros, até a Avenida Ceará, em frente ao Terminal Urbano. O projeto de intervenção será em quatro etapas, alcançando toda a extensão do canal.

Intervenções culturais 

Para garantir as intervenções culturais, será feita a instalação do Centro de Atendimento ao Turista e espaço da FEM; do Box da Delegacia de Apoio ao Turista; Instalação de câmeras de monitoramento e segurança; trecho das ações culturais – do Terminal Urbano até a Federação Espírita; aos domingos, promoções de ações de faixas liberadas; Economia Solidária; e reuniões com a associação dos moradores.

Ao longo de sua extensão, o parque possui ciclovia, pista de caminhada, pista de rolamento para veículos, bares, restaurantes, e várias outras estruturas que serão revitalizadas e utilizadas com o trabalho conjunto das secretarias de governo.